icons.title signature.placeholder Alexandre Araújo e Guto Mariano
24/06/2014
08:00

Bola na marca do pênalti. Adalto bate, balança a rede e o time que ele defende consegue o acesso à Série A, para a alegria de toda a torcida. A cena relatada aconteceu no último capítulo da novela Avenida Brasil e a equipe em questão foi o Divino F.C., que disputava a Série B do Carioca. Apesar de ter sido apenas ficção, os vascaínos esperam que o capítulo final tenha o mesmo desfecho, com a equipe cruz-maltina conseguindo chegar à elite, mas do Campeonato Brasileiro.

Em má fase, os comandados de Adilson Batista podem buscar inspiração, justamente, na novela. A semana de preparação do Vasco no Rio de Janeiro, antes de partir para Atibaia (SP), será feita no centro de treinamento que foi usado pela equipe da novela para as cenas do Divino F.C.

O Estádio Eustáquio Marques, localizado em Curicica, Zona Oeste do Rio de Janeiro, é casa do Esporte Clube Marinho – que está afastado de competições oficiais. No entanto, o campo é usado por alguns clubes que disputam as Séries B e C do Campeonato Carioca. Até o dia 2 de julho, a humilde estrutura do clube de Curicica receberá a grandeza do Vasco na luta pelo acesso.

Afinal, por conta da Copa do Mundo, o Estádio de São Januário e o CT do CFZ – que costuma receber com frequência treinos do Cruz-Maltino – estão entregues à Fifa como estruturas de apoio ao Mundial. Que o Divino traga bons ares ao Vasco na luta de volta à primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

Cheio de sorrisos, Kléber começa a entrar em forma no Vasco