icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
20:17

A morte de um dos grandes nomes da história do futebol é notícia também em veículos estrangeiros. O site do diário italiano "La Gazzetta dello sport", por exemplo, lembra do bicampeonato do ex-lateral-esquerdo com a Seleção Brasileira, e da dupla formada com Djalma Santos, que também faleceu este ano, nas Copas de 1958 e 1962.

Já o site do argentino "Clarín" lembrou da estátua erguida no Engenhão para o ídolo, ao lado da de Zagallo, Jairzinho e Garrincha. Mencionou também sua revolução tática ao ultrapassar a linha do meio-campo para atacar.

Nilton foi homenageado também no site da Fifa e no perfil do presidente da entidade, Joseph Blatter, no Twitter.

Homenagem a Nilton Santos, ídolo do Botafogo e da Seleção