icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/12/2013
13:45

Antes do brilho intenso de Neymar na partida contra o Celtic nesta quarta-feira, a imprensa catalã vinha cobrando bastante o jogador do Barcelona, pois não vinha conseguindo suprir a ausência de Messi. Mas depois de marcar três gols, dar passe para mais e ser o destaque do jogo, todos ficaram rendidos, como mostram as capas do "Mundo Deportivo" e do "Sport".

Na Grã-Bretanha, também muitos elogios ao craque. O "Scotsman", da Escócia, país do Celtic, destacou um "Barcelona sem freio". Na Inglaterra, veículos como "The Times", "Guardian" e "Daily Telegraph" usaram termos como "humilhante", "prodígio" e "lamentável", desta vez se referindo ao time derrotado. Na Espanha, alguns dos principais colunistas lembraram como uma partida assim pode ser importante para a sua sequência.

- O "barcelonismo" andava inquieto pela síndrome da lesão de Messi. Mas acendeu a luz de Neymar. Acendeu a luz do otimismo. O brasileiro precisava de uma partida como essa: três gols, um passe, vários dribles, arrancadas, uma caneta, e já nem sei quantos doces vieram - disse Joan Battle, colunista do "Sport", que foi complementado por Josep Maria Casanovas, seu colega do mesmo jornal:

- Além de precisar, Neymar merecia um jogo desse. É a recompensa pelo trabalho e a humildade. Comemorou com as mãos para o céu. No fim de sua grande noite, fez questão de destacar o jogo coletivo e deu a assinatura a uma partida que vai dar muita confiança e segurança.

Neymar também foi destaque na imprensa escocesa (Foto: Reprodução)

O concorrente do "Sport", o "Mundo Deportivo", também seguiu a mesma linha, e os colunistas lembraram que, enfim, Neymar conseguiu substituir Messi.

- O Barcelona alcançou a excelência. O Celtic não conseguiu fazer nada diante da inspiração de um Neymar que tomou a responsabilidade de suprir a ausência de Messi. Mostrou-se muito cômodo ccomo falso 9 e conectou todo o Barcelona - disse Santi Nolla, diretor do jornal.