icons.title signature.placeholder Russel Dias
03/06/2014
09:03

Gabriel engordou 4 kg no último ano. Mas isso não causou problemas entre o atleta e o Santos. O ganho de peso foi uma ordem de Muricy Ramalho, então técnico do clube, que queria um jogador mais forte e melhor preparado.

A ordem pode causar estranheza, mas da mesma maneira que Gabigol segue os passos de Neymar e Robinho no campo, como destaques do Peixe, está se igualando a eles também na questão física.

O Rei do Drible chegou a engordar 10 kg a pedido de Emerson Leão. Vanderlei Luxemburgo pediu para Neymar ganhar massa para não ser “filé de borboleta”.

Gabriel, que tem apenas 17 anos, já entendeu a necessidade de aumentar sua massa muscular. E não reclama do período na academia.

– Sempre gostei de academia, e isso coincidiu com a ordem do Muricy. Até hoje vou para a academia com o Ricardo Rosa (preparador físico), mas é tudo adequado com o estilo de jogo para não perder a velocidade – revelou Gabriel ao LANCE!Net.

No último domingo, Gabigol bateu uma marca de Neymar: chegou a 14 gols marcados pelo Peixe no primeiro ano como profissional. E Gabigol quer mais, mesmo evitando comparações com o ídolo:

– Tento sempre fazer gols e ajudar o Santos. Fico feliz por bater a marca, mas o Neymar não tem comparação, ele é de outro mundo.

Após igualar a marca, Gabriel tenta agora quebrar outra: a dos 20 gols marcados por Neymar até os 18 anos. Gabigol chegará à maioridade no próximo dia 30 de agosto.

Se em campo as coisas vão bem, Gabriel tenta não “imitar” as trajetórias dos antecessores. Tanto Robinho quanto Neymar tiveram saídas complicadas. Mesmo sabendo da reunião da tarde desta terça-feira, a promessa não quer saber do tema.

– Só sei que quero ficar! – diz.

BATE-BOLA com Gabriel
Atacante do Santos, ao LANCE!Net

Como foi marcar um gol em São Bernardo, sua cidade natal?
Minha família estava no estádio, e uns amigos que converso até hoje também. Eu estava ansioso por esse jogo, que era o último, e fiquei triste achando que não ia jogar por causa da lesão. Deu tudo certo.

Aquela assistência para o Diego Cardoso é uma jogada ensaiada?
Eu treinei esse passe, o Oswaldo pediu para treinar. Ele até deu parabéns depois porque eu consegui.

Agora de férias, vai acompanhar a Copa do Mundo? Já pensou que pode ser a última vendo pela TV?
(Risos) Não, eu estou muito focado no Santos, quero curtir a família. Tem muito tempo para a outra Copa ainda, tenho de pensar passo a passo, primeiro no Brasileiro.

Não é comum jogador fazer academia. Você gosta ou foi pedido?
Eu faço academia normalmente, mas isso é tudo com o Ricardo Rosa e com o Fernando (preparadores físicos). O que o Santos pede eu faço.

Com a saída do Cícero, você acha que será o protagonista do time?
A torcida tenta criar isso, mas a responsabilidade é de todos. O time está muito forte, tem um grupo muito bom, então essa obrigação não fica só em cima de mim.

Em foto de 2011, Gabriel bem mais franzino (Foto: Pedro Ernesto Guerra)

COM A PALAVRA: Sandra Merouço
Nutricionista do Santos, ao LANCE!Net

O corpo do Gabriel vai sofrer alterações porque ele está em fase de crescimento, mas isso tem que ser feito com bom senso, como está sendo. É o mesmo projeto do Neymar e do Robinho, em que se tem muita cobrança para ficar mais forte. Mas não dá para se pular etapas!

Ele tem muitos pontos positivos porque não tem tendência a engordar e tem um metabolismo muito rápido, então ele pode comer um pouquinho a mais que os outros. Esse ganho de peso é feito com cuidado, com uma alimentação balanceada e a suplementação de “whey protein”, um suplemento específico de proteína.

Mas o Gabriel respeita os seus limites e é bonzinho para comer.