icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/12/2013
20:41

Hoje com 68 anos, o ex-ponta Ivair, apelidado de "Príncipe" quando jogava na Portuguesa, lamentou a punição aplicada ao clube pelo STJD: pela utilização irregular do meia Héverton contra o Grêmio, na última rodada do Brasileirão, a equipe perdeu quatro pontos e foi rebaixada à Série B, salvando o Fluminense.

- Estou extremamente chateado e indignado com o que estou acabando de presenciar. Não é pelo simples fato de ter marcado história com a camisa da Portuguesa, mas pela dignidade do futebol brasileiro. Esta decisão deixa a entender que pouco importa o resultado conquistado dentro das quatro linhas, até por que existem outros mecanismos para ganhar o jogo - disse Ivair, que também jogou no Flu.

Embora reclame da decisão do tribunal, ele também critica a diretoria comandada por Manuel da Lupa, que segundo ele deixou de investir como deveria nas categorias de base. Em 2 de janeiro, Ilídio Lico substitui Da Lupa na presidência do clube.

- Se de um lado eu não concordo com a decisão do tribunal, também não posso negar que a Portuguesa não é mais a mesma de outras épocas. Temos muitos problemas administrativos que culminaram em inúmeros descensos nos últimos anos, tanto no Campeonato Paulista quanto no Campeonato Brasileiro. A Lusa precisa se reestruturar urgentemente - disse.