icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/02/2015
12:43

Após a lesão de Chris Weidman, a segunda consecutiva, Vitor Belfort pediu novamente a criação de um cinturão interino nos médios, já que afirmou que não poderia ser prejudicado pelo americano. Se antes era uma ideia rechaçada, o UFC começou a cogitar essa chance, porém, esbarra no adversário do brasileiro, já que o oferecido para o combate, Lyoto Machida, foi negado pelo Fenômeno.

Um dos grandes personagens envolvido nessa questão, Weidman, em entrevista ao site "MMA Fighting", disparou contra essa possibilidade de ter um campeão interino na categoria em que é o número um. Para o algoz de Anderson Silva, o tempo que está ausente está longe ao de outros campeões, que em suas respectivas divisões, não tiveram cinturões interinos.

- Fazer uma luta por cinturão interino uma ideia estúpida. Se pegarmos como exemplo, Pettis ficou um ano parado, Velásquez quanto tempo? um ano e meio? E só estou fora por seis meses e me lesionei novamente, mas em oito semanas estou recuperado. Acho loucura ter um cinturão interino, se compararmos o tempo que outros campeões parados - afirmou.