icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/12/2013
19:32

No que depender da vontade Eduardo Hungaro para treinar o time, o Botafogo vai longe nesta temporada. Recém-promovido ao cargo ele garantiu que toma as decisões dele baseadas nos treinamentos e se definiu como um aficcionado por treinos.

De acordo com o comandante alvinegro, o que mais importa é o que cada jogador faz no dia a dia e a vontade que mostra de vencer. Para ele, é importante tentar "controlar o rendimento do time nas partida":

- Me defino como um aficcionado por treino. O jogo traduz o que é feito no treinamento. É importante o dia a dia. Se você fizer um bom trabalho no dia a dia, controla o rendimento. Não conheci nenhum treinador que controlasse resultado, mas tentamos controlar o rendimento.