icons.title signature.placeholder Eduardo Mendes, Maurício Oliveira e Thiago Salata
15/06/2014
12:48

A Seleção Brasileira acompanhou da Granja Comary a goleada da Holanda sobre a Espanha e derrota do Uruguai para a Costa Rica nos três primeiros dias de Copa do Mundo. Mais do que analisar como jogam alguns dos possíveis adversários na próxima fase, caso o time confirme a classificação, o grupo analisou as derrotas como lições proporcionadas pela competição.

Para o atacante Hulk, a condição de favoritismo nem sempre se faz valer dentro de campo e pode ser colocada em xeque.

- Fica o aprendizado de que no futebol não há jogo ganho. Ninguém imaginava que o Uruguai perderia, mas a Costa Rica mereceu. E ninguém também pensava que a Holanda faria cinco gols. Algo merecido pelo segundo tempo deles. Então, levamos isso como exemplo - disse o camisa 7.

Desde o início da Copa do Mundo, o técnico Luiz Felipe Scolari passou a fazer os treinamentos em horários distintos dos jogos para que ele possa também monitorar os rivais.