icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/06/2014
16:31

A Copa do Mundo é rica em aproximar pessoas e reunir figuras curiosas no país-sede. Um deles é Bernardo Oude Kamphis, holandês, que esteve neste domingo na Arena Corinthians e acabou virando atração.

Também pudera. As atenções dos presentes no estádio logo se viraram para Bernardo quando ele chegou a bordo de uma caminhonete toda estilosa, decorada predominantemente nas cores laranja. Na frente, os dizeres: "Naranja Mecânica (Laranja Mecânica)". O automóvel engraçado e seu condutor passaram a ser o ponto turístico da Arena quando a Holanda enfrentou o Chile no estádio.

Quando Bernardo desceu do carro, a euforia do público foi ainda maior. Com quase dois metros de altura, metido em um macacão laranja e com um cavanhaque da mesma cor também puxado pro vermelho, o turista roubou a cena. Seu visual lembra o do ex-zagueiro americano Alexis Lalas, que enfrentou o Brasil na Copa do Mundo de 1994. As coincidências não param por aí.

- Viajei 22 mil quilômetros de São Francisco, nos Estados Unidos. Sempre a bordo desse Chevy 55 (ano do carro). Vim para contemplar o mundial com os brasileiros - explicou, entre uma foto e outra com brasileiros, chilenos e até compatriotas holandeses.

Bernardo disse que deixou o país onde mora há cinco meses com destino ao Brasil. Passou por toda a América Central, Guatemala, Equador, Colômbia, até desembarcar por aqui nos últimos dias. Esteve em Manaus e a próxima parada é o Rio de Janeiro, onde ficará até o fim da Copa.

- Para ver uma final Brasil e Holanda - diz, com uma piscadinha.

Acostumado a viajar pelo mundo, Bernardo carrega na fala a bagagem adquirida com o pé na estrada. Ele se expressa misturando palavras em inglês, espanhol e português, fator que lhe concede um ar ainda mais caricato e engraçado. Assim, diferente, faz a festa dos curiosos em cima dos personagens desta Copa.