icons.title signature.placeholder Rodrigo Vessoni
11/07/2014
10:57


A música provocativa ao Brasil que virou hit argentino durante a Copa do Mundo faz tanto sucesso que um grupo de soldados do país resolveu entoá-la pelas ruas em pleno dia da independência. Um vídeo que circula na internet mostra a movimentação da banda dos Granaderos, uma divisão especial das Forças Armadas argentinas, tocando sua melodia no último 9 de julho, dia da Independência do país.

A canção lembra as oitavas de final da Copa de 90, quando a equipe de Sebastião Lazaroni foi derrotada, por 1 a 0. A música diz que aquele mata-mata jamais será esquecido, lembra a jogada construída por Maradona e concluída por Claudio Caniggia, que driblou Taffarel e foi às redes. De quebra, traz o tradicional refrão de que o ex-camisa 10 é melhor do que Pelé e ainda garante que Messi dará o terceiro título mundial ao país.

E MAIS
- Favoritismo dos alemães não incomoda jogadores da Argentina

VEJA A LETRA DA MÚSICA:

EM PORTUGUÊS:
"Brasil, me diga o que sente...ter em sua casa seu papai**...
Te juro que mesmo que passem os anos...nunca vamos nos esquecer...
Que Diego (Maradona) os driblou, que Caniggia os espetou...estão chorando desde a Itália até hoje...
A Messi vocês vão ver, a Copa ele vai nos trazer...Maradona é melhor que Pelé."

EM ESPANHOL:
"Brasil decime qué se siente, tener en casa a tu papá...
Te juro que aunque pasen los años, nunca nos vamos a olvidar...
Que el Diego los gambeteó, que Cani los vacunó... están llorando desde Italia hasta hoy...
A Messi vas a ver, la Copa va a traer...Maradona es más grande que Pelé."

**Simbologia tradicional no país para um rival que tem supremacia sobre o outro