icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/04/2014
16:41

O melhor em campo na final da Copa do Nordeste foi um jogador que poucos apostariam antes da decisão. Aílton sofreu o pênalti, convertido por Neto Baiano, que garantiu o empate do Sport com o Ceará, no Castelão, e posteriormente o título da competição.

O meia convive com críticas de parte da torcida desde que chegou à Ilha do Retiro e vê a conquista como uma nova oportunidade no elenco.

- Esse título é muito especial para mim. Só eu sei o quanto batalho no Sport. Sei da minha qualidade e onde posso chegar. Esse grupo foi muito determinado e ajudou bastante - desabafou o atleta.

Determinante para o resultado final, o meio-campo faz questão de lembrar o quanto se dedica e o quanto o Sport é importante em sua vida.

- Eu me cobro bastante. Para jogar no Sport o jogador tem que estar motivado sempre. A minha esposa é rubro-negra e com certeza estava assistindo o jogo pela final. Esse título é para ela também.