icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/07/2013
22:23

O jovem Henrique teve uma verdadeira prova de fogo na vitória do Vasco por 3 a 1, neste domingo, sobre o Fluminense. O lateral, cria da base cruz-maltina, estreou no time profissional logo no clássico que marcou a volta dos clubes ao Maracanã. Para superar a tensão, o garoto revelou ter recebido uma ajuda dos mais experientes do grupo.

– Os caras me ajudaram, conversaram comigo dentro e fora de campo. O Juninho, Wendel e Rafael me dão a maior tranquilidade para jogar. Já me deram uns conselhos. Eu tenho o maior prazer em jogar com eles – contou o lateral-esquerdo.

Henrique foi escalado na vaga de Yotún, que se recupera de uma lesão na coxa. Durante a partida, o lateral-esquerdo foi substituído pelo volante Fillipe Soutto e Wendel se deslocou para a ala.


Vasco dá presente de grego para o Flu na reabertura do Maraca

O jovem Henrique teve uma verdadeira prova de fogo na vitória do Vasco por 3 a 1, neste domingo, sobre o Fluminense. O lateral, cria da base cruz-maltina, estreou no time profissional logo no clássico que marcou a volta dos clubes ao Maracanã. Para superar a tensão, o garoto revelou ter recebido uma ajuda dos mais experientes do grupo.

– Os caras me ajudaram, conversaram comigo dentro e fora de campo. O Juninho, Wendel e Rafael me dão a maior tranquilidade para jogar. Já me deram uns conselhos. Eu tenho o maior prazer em jogar com eles – contou o lateral-esquerdo.

Henrique foi escalado na vaga de Yotún, que se recupera de uma lesão na coxa. Durante a partida, o lateral-esquerdo foi substituído pelo volante Fillipe Soutto e Wendel se deslocou para a ala.


Vasco dá presente de grego para o Flu na reabertura do Maraca