icons.title signature.placeholder Felipe Domingues
28/06/2014
08:00

Helio Castroneves é o piloto mais regular do grid da IndyCar. Essa frase é apoiada pelos números do brasileiro que, na atual temporada, já soma seis TOP 10 (em sete etapas) e quatro pódios, além de uma vitória. Regularidade é a chave?

- A regularidade é fundamental para buscar o título. A nossa categoria é muito competitiva. Tenho certeza que vou ser repetitivo agora, mas o dia que o Castroneves for para a pista pensando que um 4º ou 5º está bom, sem ter ambição de vitória, pode dar uns tapas que eu autorizo - brincou o piloto, ao LANCE!Net.

Neste mesmo ponto, no ano passado, Helinho era o líder do campeonato, com uma vitória e três pódios, além de sete TOP 10. Desse ponto em diante, a regularidade de Helio caiu e o piloto viu Scott Dixon se sagrar o campeão.

- Nem sempre tudo funciona como a gente planeja, e aí tem de ter cabeça e somar pontos. Você tem razão em lembrar do ano passado, quando mantive uma regularidade boa o ano todo, mas bastaram dois resultados ruim e a coisa desandou - comentou.

Agora, com um campeonato ainda mais difícil que o do ano passado, Helinho já tem em mente o resultado que precisa na prova de Houston, que terá uma etapa dupla, com uma corrida no sábado e uma no domingo.

- Aqui em Houston, no ano passado, eu praticamente perdi o título. A construção do título passa necessariamente por andar bem nessas duas corridas. Eu quero compensar o trauma do ano passado ganhando as duas. Se não der, pelo menos dois pódios. Agora, repetir o que aconteceu em 2013, nem pensar - disse Helio, que foi 18º e 23º em Houston, no ano passado.

A oitava etapa da IndyCar está marcada para este sábado e domingo, com o treino classificatório começando às 12h e a primeira corrida às 16h45. No domingo, novo treino, também às 12h e a largada para a segunda corrida, às 16h45 (horários de Brasília). Em um campeonato parelho, toda a atenção é necessária.

- Vejo esse campeonato como mais difícil, sim, principalmente pela pequena distância entre vários competidores e equipes. Isso significa que qualquer corrida complicada pode arruinar as chances de um piloto - concluiu Helio.