icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
07/11/2014
18:07

Na última quinta-feira o técnico da Ponte Preta, Guto Ferreira foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e punido com um jogo de suspensão por causa da sua expulsão na partida diante do Avaí, que aconteceu pela 31ª rodada da Série B.

Com a punição, ele não poderá comandar a Macaca na partida deste sábado, contra o Bragantino, em Bragança Paulista - o clube campineiro tentou utilizar efeito suspensivo mas foi negado.

Guto não poderá fazer nenhum contato com a equipe durante a partida. O auxiliar Alexandre Faganello ficará no banco de reservas. O auxiliar inclusive já comandou a Ponte contra o Vasco, quando o treinador sofreu uma arritmia, na 32ª rodada.

Guto Ferreira foi expulso na partida contra o Avaí ainda no intervalo, após reclamar com a arbitragem de um gol mal anulado no primeiro tempo.

A partida contra o Bragantino é vista pela Ponte como uma final. Uma vitória do time em Bragança Paulista garante matematicamente o acesso antecipado para o clube de Campinas, além de recuperar a liderança do campeonato, que hoje pertence ao Joinville.