icons.title signature.placeholder LANCEPRESS
01/11/2013
07:04

Presente na histórica reta final em 2009, quando o Fluminense escapou por muito pouco do rebaixamento, Gum volta a conviver com a pressão de não deixar o Tricolor ir para a Série B em 2014.

O zagueiro tricolor admite que a temporada não é tão ruim se comparada à de 2009 e prometeu trabalho para sair da atual situação.

- Sem dúvida nenhuma o momento é muito melhor. Se você lembrar aquele ano, o momento era muito mais dramático. Temos que trabalhar muito para sair dessa situação e trazer uma resposta positiva para o nosso torcedor - disse.

E MAIS
> Peter conversa com Luxa e elenco tricolor e mostra apoio
> Vanderlei Luxemburgo ganha voto de confiança e permanecerá no Fluminense
> Após conversa com Peter e Caetano, Luxa recebe apoio de torcedor em treino
> Em Brasília, Flu costura últimos detalhes para voltar à Timemania

Vendo de perto as especulações em torno do técnico Vanderlei Luxemburgo, Gum fez questão de dividir a responsabilidade com o treinador.

- Não é só o Luxa. O grupo inteiro está pressionado. Estamos uma posição que o grupo e o Fluminense não mereciam. Estamos trabalhando, buscando melhorar na tabela e ter tranquilidade para terminar o ano - concluiu.

O Fluminense volta a campo neste domingo, diante do Flamengo, às 19h30, no Maracanã, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.