icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/11/2014
10:42

A Guiné Equatorial será a nova sede da próxima Copa Africana de Nações (CAN), disputada de 17 janeiro a 8 de fevereiro de 2015. O país substituirá o Marrocos, que, por conta do surto de ebola, se recusou a organizar o torneio e, como consequência, foi eliminado pela Confederação Africana de Futebol (CAF).

Depois de três anos, a Guiné Equatorial volta a ser o anfitrião do torneio. Em 2012, o país dividiu a CAN com o Gabão.

Como será sede do torneio, a Guiné Equatorial não precisará disputar as Eliminatórias da competição.

Na terça-feira, o Marrocos comunicou a desistência, alegando preocupação com o surto de ebola que já vitimou 5 mil pessoas no continente. Em contrapartida, o país receberá o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro.