icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/11/2013
12:37

Mesmo sem jogar pelo Corinthias desde o dia 6 de outubro, e operado para corrigir uma fissura no dedo mínimo do pé esquerdo duas semanas depois, o atacante Guerrero já treina normalmente no CT Joaquim Grava. Nesta quarta-feira, ele participou de toda a atividade técnica com o grupo e tem condições de retornar ao time domingo, contra o Flamengo, no Maracanã. Essa, no entanto, não é a expectativa dos médicos do Corinthians, e sim dos companheiros de trabalho.

Logo após a movimentação, que durou cerca de duas horas, Guerrero permaneceu alguns minutos conversando com o volante Guilherme. Escolhido pela assessoria do clube para conceder entrevista coletiva logo após a atividade, o volante assegurou que o artilheiro da equipe em 2013, com 18 gols, está bem fisicamente.

- Conversei com ele depois do treino e ele me disse que não estava mais com dores. Agora é esperar, porque tenho certeza de que ele vai ser uma peça muito útil, vai ajudar muito a gente. Todo mundo sabe da qualidade dele. O importante é não estar com dor, estar com confiança. Se Deus quiser, a situação de escalar ou não vai ficar na mão da comissão - torce Guilherme, confirmado para o compromisso diante do Flamengo, ao contrário de Guerrero.

Apesar da confiança de Guilherme no retorno do companheiro goleador, a situação de Guerrero ainda é indefinida, porque o departamento médico do clube trata o caso com paciência. Segundo o médico Júlio Stancati, um possível retorno no domingo pode ser precipitado, já que Guerrero realizou poucos trabalhos físicos após a recuperação da lesão.