icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese
10/11/2013
10:00

O centroavante Paolo Guerrero ainda não sabe se poderá entrar em campo pelo Corinthians no duelo diante do Internacional, neste sábado, no Pacaembu, pela penúltima rodada do Brasileirão. O camisa 9 realizou um exame de sangue na última terça-feira e aguarda o resultado nesta quarta. Se a resposta não for satisfatória, novos testes serão realizados até sexta, véspera da partida.

No último sábado, Guerrero avisou à comissão técnica que por conta própria havia ingerido um remédio, cuja substância era proibida, em sua casa. O jogador, que estava relacionado para o duelo contra o Flamengo, e inclusive havia concedido entrevista coletiva na sexta, acabou vetado pelo departamento médico. Havia o risco de ele ser submetido ao exame antidoping e, assim, acabar flagrado e punido.

- Ele havia ingerido um remédio em casa, por conta própria, e só nos avisou no sábado. Ele iria para o jogo, mas tivemos de tirá-lo por precaução. Fizemos o exame para ter segurança para colocá-lo em campo. Se houver resíduo do medicamento, ainda não o liberaremos. Vamos ter uma resposta final até sexta-feira - explicou ao LANCE!Net o médico do Corinthians, Guilherme Runco.

Guerrero não atua pelo Corinthians desde o início de outubro, quando foi constatada uma fratura no quinto metatarso (um dos ossos) do pé esquerdo. O problema foi alertado pela Federação Peruana de Futebol (FPF) quando o centroavante foi convocado para duelos pelas Eliminatórias da Copa de 2014, em outubro. O departamento médico do Timão informou que ele estava atuando com o problema em alguns jogos, e que o caso não era grave. No entanto, dias depois, viu que não era possível utilizá-lo e optou pela realização de uma cirurgia. Seu retorno ainda em 2013 era improvável, mas a boa recuperação permitiu que ele voltasse antes.

O peruano é o artilheiro alvinegro na temporada, com 18 gols. Alexandre Pato, com 17, está na cola. Ambos, se estiverem à disposição de Tite para sábado, devem iniciar o duelo no banco de reservas.