icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/07/2013
10:51

Tido como um dos principais técnicos do futebol mundial, Pep Guardiola é capaz até de confundir jornalistas com suas táticas. Prova disso é que o próprio espanhol precisou corrigir um repórter, perdido com as diversas e constantes mudanças de posição do time titular do Bayern de Munique no jogo contra o Borussia Mönchenglandbach, pela final do torneio amistoso "Telekom Cup".

Holger Pfandt, que estava na transmissão da partida pela TV SAT1, fez um esboço em seu caderno da tática da equipe bávara, mas se disse perdido e pediu a ajuda do próprio Guardiola. O técnico não se fez de rogado e deu várias explicações detalhadas ao repórter, inclusive trocando nomes e fazendo anotações extras no papel do jornalista.

 - Ele me provou que eu não sei nada de tática. O engraçado é que ele cometeu um pequeno erro no nome de Toni Kroos. Ao invés de escrevê-lo certo, Pep acabou anotando Kross - comentou Pfandt, ao jornal alemão "Bild".

Tido como um dos principais técnicos do futebol mundial, Pep Guardiola é capaz até de confundir jornalistas com suas táticas. Prova disso é que o próprio espanhol precisou corrigir um repórter, perdido com as diversas e constantes mudanças de posição do time titular do Bayern de Munique no jogo contra o Borussia Mönchenglandbach, pela final do torneio amistoso "Telekom Cup".

Holger Pfandt, que estava na transmissão da partida pela TV SAT1, fez um esboço em seu caderno da tática da equipe bávara, mas se disse perdido e pediu a ajuda do próprio Guardiola. O técnico não se fez de rogado e deu várias explicações detalhadas ao repórter, inclusive trocando nomes e fazendo anotações extras no papel do jornalista.

 - Ele me provou que eu não sei nada de tática. O engraçado é que ele cometeu um pequeno erro no nome de Toni Kroos. Ao invés de escrevê-lo certo, Pep acabou anotando Kross - comentou Pfandt, ao jornal alemão "Bild".