icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/07/2013
11:49

Mais de um mês depois de ser apresentado como jogador do Grêmio, Riveros ainda não tem condições legais de atuar com a camisa do Grêmio. O clube gaúcho espera que a Federação Turca emita o Transfer Matching System (TMS), sistema utilizado pela Fifa para legitimar negociações, para que a CBF possa inscrever o volante. A presença do paraguaio se torna mais importante por conta das ausências de Adriano e Souza para o jogo com o Criciúma, no sábado, às 18h30, no Heriberto Hulse.

Riveros foi apresentado no clube gaúcho como reforço no dia 11 de junho. O volante rescindiu seu contrato com o Kayserispor - algo que só foi finalizado, com a assinatura do clube e do jogador na última semana - e assinou com os gaúchos por três temporadas. No entanto, aiinda espera poder estrear com a camisa gremista. Precisa estar no Boletim Informativo Diário (BID) até quinta-feira, 48 horas antes do confronto com o Tigre.

- A questão do Riveros é objetiva: a Federação Turca precisa emitir o TMS, se derem o enter lá, esse comando é recebido pela CBF e ele entra no BID. Dependemos da Federação, que é notóriamente uma das mais difíceis de lidar. Estamos pressionando diariamente, trabalhando incansavelmente para isso. Já conversamos com o jogador também para deixá-lo tranquilo - comentou o diretor-executivo Rui Costa na manhã desta terça-feira.

O Tricolor não poderá contar com os titulares Adriano, suspenso, e Souza, com dores pubianas, para o jogo de sábado. A tendência é que o paraguaio faça sua estreia, já que o clube acredita na regularização até o fim da janela de transferências, no sábado, ao lado do jovem Matheus Biteco. Ramiro é opção caso Riveros ainda não reúna condições de jogo.

Mais de um mês depois de ser apresentado como jogador do Grêmio, Riveros ainda não tem condições legais de atuar com a camisa do Grêmio. O clube gaúcho espera que a Federação Turca emita o Transfer Matching System (TMS), sistema utilizado pela Fifa para legitimar negociações, para que a CBF possa inscrever o volante. A presença do paraguaio se torna mais importante por conta das ausências de Adriano e Souza para o jogo com o Criciúma, no sábado, às 18h30, no Heriberto Hulse.

Riveros foi apresentado no clube gaúcho como reforço no dia 11 de junho. O volante rescindiu seu contrato com o Kayserispor - algo que só foi finalizado, com a assinatura do clube e do jogador na última semana - e assinou com os gaúchos por três temporadas. No entanto, aiinda espera poder estrear com a camisa gremista. Precisa estar no Boletim Informativo Diário (BID) até quinta-feira, 48 horas antes do confronto com o Tigre.

- A questão do Riveros é objetiva: a Federação Turca precisa emitir o TMS, se derem o enter lá, esse comando é recebido pela CBF e ele entra no BID. Dependemos da Federação, que é notóriamente uma das mais difíceis de lidar. Estamos pressionando diariamente, trabalhando incansavelmente para isso. Já conversamos com o jogador também para deixá-lo tranquilo - comentou o diretor-executivo Rui Costa na manhã desta terça-feira.

O Tricolor não poderá contar com os titulares Adriano, suspenso, e Souza, com dores pubianas, para o jogo de sábado. A tendência é que o paraguaio faça sua estreia, já que o clube acredita na regularização até o fim da janela de transferências, no sábado, ao lado do jovem Matheus Biteco. Ramiro é opção caso Riveros ainda não reúna condições de jogo.