icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
17/11/2014
12:48

A diretoria do Grêmio quer aguardar a definição da colocação do no Campeonato Brasileiro para tentar as permanências do atacante Dudu e do meia argentino Alán Ruiz. que têm empréstimos se encerrando com o clube no fim desta temporada. Para que os jogadores permaneçam, primordialmente será necessária a classificação para a Copa Libertadores. O apoiador pertence ao San Lorenzo, da Argentina, e está avaliado em 4 milhões de dólares (cerca de R$ 10,4 milhões). Já Dudu, tem os direitos econômicos ligados ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e custa 6 milhões de euros (R$ 19,5 milhões), segundo matéria publicada pelo Uol Esportes.

- A gente quer deixar para pegar firme nisto assim que estiver assegurada a vaga na Libertadores. Aí o animo é outro, podemos quem sabe até investir mais. Já estamos conversando, mas de maneira discreta - disse Duda Kroeff, vice-presidente de futebol do Grêmio.

Neste fim de semana, o Grêmio venceu o Criciúma por 3 a 0, fora de casa, assegurando a quarta colocação na tabela de classificação com 60 pontos, mesma pontuação do rival Internacional, que está uma posição à frente dos tricolores. Para manter a dupla, que vem se destacando na equipe comandada por Luiz Felipe Scolari, a diretoria gremista estuda também buscar investidores para viabilizar as contratações deles.

- Nós temos que chegar ao objetivo (a conquista da vaga na Libertadores) para saber que tipo de valor monetário vamos dispor. E sermos criativos, a partir disso, para que conseguir ter pelo menos por mais um ano o Dudu ou por mais três ou quatro anos. Quem sabe fazendo algum acerto com o clube dele, eles (dirigentes) estão elaborando fórmulas e espero que consigam isso - disse Duda, dando a entender que o atacante é o primeiro na lista de prioridades do Grêmio para o ano que vem.