icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/04/2014
08:00

A quarta-feira será de fortes emoções em Porto Alegre. Depois de perder na Argentina, o Grêmio busca a virada contra o motivado San Lorenzo, às 22h, para se manter na Copa Libertadores da América e avançar às quartas de final da competição.

O duelo na Arena vai contar com casa cheia e o Tricolor precisa no mínimo fazer 1 a 0 para levar o jogo para os pênaltis. Se postular a classificação direta, os gaúchos precisam vencer por dois gols de diferença. O Ciclón se classifica com empate e até mesmo derrota por um gol de diferença, desde que marcando gol em Porto Alegre.

- Acho que vão jogar retrancado e vão segurar um pouquinho mais. Mas o San Lorenzo sabe do nosso potencial, terá mais cuidado - projetou o camisa 9 Barcos.

Enderson Moreira contará apenas com um desfalque: o zagueiro Rhodolfo. Terá no restante das posições, força máxima. Na lateral esquerda, Wendell vai para o jogo, recuperado de lesão no tornozelo esquerdo. No meio, Luan deve começar a partida na vaga do volante Ramiro, com Riveros e Edinho trabalhando na proteção à defesa.

A partida tem ares de decisão para o treinador, que viveu pressão após a sequência de três derrotas, mas ganhou alívio no ambiente tricolor após a vitória sobre o Atlético-MG, com os reservas. Dependendo do resultado, a cabeça do comandante pode rolar.

Dos 26 mil ingressos colocados à venda, restam menos de três mil para o jogo. A tendência é que um novo recorde seja batido na Arena, com público na casa dos 47 mil torcedores.

RIVAL MOTIVADO

O San Lorenzo chega na decisão com a vantagem e sabendo do clima de pressão que vai viver na Arena. A grande estrela é o garoto Corrêa, autor do gol no Nuevo Gasómetro. Blandi integrou a delegação que viajou para Porto Alegre e pode ser novidade, recuperado de pisão no pé. Os gringos se dizem motivados em um ambiente que envolve tudo o que o jogador pede.

O estádio, dos melhores do continente, estará lotado. A partida reúne a rivalidade entre argentinos e brasileiros. É um jogo eliminatório, que vale a permanência na Libertadores, maior competição da América do Sul. Tudo isso deixa o San Lorenzo, que nunca ganhou a taça, bastante tranquilo para o jogo. 

- Qualquer jogador gosta de jogar assim na Copa Libertadores, um estádio como esse que jogaremos. Não tem como estar mais motivado que isso - destacou o lateral-direito Buffarini.

Romagnoli, principal jogador da equipe, é mais uma vez desfalque. A tendência é que Edgardo Bauza possa repetir a escalação da vitória em casa sobre os tricolores. Piatti, que enfrenta problema estomacal desde antes da partida de ida, está recuperado e, segundo o treinador, não apresenta nenhuma necessidade de cuidado especial. Poderá jogar tranquilamente.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X SAN LORENZO

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data-hora: 29/04/2014 - 22h
Árbitro: Roberto Silvera (URU)
Auxiliares: Carlos Pastorino e Nicolas Taran (URU)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Pará, Werley, Pedro Geromel e Wendell; Edinho, Riveros, Luan, Zé Roberto e Dudu; Barcos - Técnico: Enderson Moreira.

SAN LORENZO: Torrico; Buffarini, Valdés, Gentiletti e Más; Mercier, Villalba, Ortigoza e Piatti; Matos e Corrêa - Técnico: Edgardo Bauza.