icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/11/2014
15:12

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, precisou dar explicações sobre o porquê de a Polícia Militar não ter liberado o Allianz Parque para o jogo entre Palmeiras e Atlético-MG, no dia 8 de novembro. Em sua página no Twitter, o político avisou que um encontro nesta segunda-feira irá tratar do tema, e embora já tenha se estourado o prazo para mudança de mando de acordo com o Estatuto do Torcedor, ele mantém viva a chance de o confronto com o Galo ocorrer no reformado Palestra Itália.

"Na próxima segunda-feira haverá uma reunião entre o Comando do Policiamento de Choque e os representantes da empresa WTorre. Buscarão listar e sanar as pendências envolvendo a liberação do novo estádio do Palmeiras. A PM colaborará ao máximo para que (o estádio) seja inaugurado no próximo sábado (08/11), tal como inicialmente agendado. Tenho certeza que a prefeitura também está empenhada", escreveu Alckmin na rede social.

A arena alviverde tem 97% de suas obras concluídas, e ainda não passou pela vistoria da PM - consequentemente, a corporação não liberou seu laudo de segurança no local. Foi este o motivo pelo qual a Federação Paulista de Futebol (FPF) vetou a saída deste jogo do Pacaembu - o clube fez o pedido na quarta, data-limite para a transferência.

Ainda assim, a construtora e o Verdão nutrem uma pequena esperança de usar sua nova casa no próximo fim de semana. A construtora aposta em uma manobra política e recebeu até o contato de figuras como o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, e o atual presidente da FPF, futuro mandatário da CBF, Marco Polo Del Nero. O curto prazo, já além do estabelecido pelo Estatuto do Torcedor, e a demora para a confecção do laudo da PM (de quatro a cinco dias após a vistoria, caso tudo seja aprovado na primeira ida à arena) fazem com que a chance ainda seja remota.

Por enquanto, a possibilidade mais real é de que o Verdão faça o seu primeiro jogo no Allianz Parque dia 20 de novembro, contra o Sport. A partida ocorrerá cinco dias antes do primeiro show de Paul McCartney na arena - ele fará apresentações nos dias 25 e 26. Nessa última quinta-feira, o elenco fez o primeiro treino no local e foi só elogios.