icons.title signature.placeholder Verônica Souza
10/12/2013
15:42

O Duque de Caxias tem novo camisa 1 para a disputa do Campeonato Carioca. Após a saída de Fernando, o time da Baixada Fluminense confirmou nesta terça-feira a contratação do goleiro Andrade, que retorna ao tricolor seis anos após a sua primeira passagem pelo clube, em 2007. O arqueiro ganhou notoriedade no cenário nacional, após participar da histórica goleada sofrida pelo Vasco por 7 a 2 para o Atlético-PR. Na época, o jogador era conhecido como Elinton.

- Não vou ser hipócrita, eu joguei mal. Posso ter tido culpa em um ou dois gols, mas todo mundo naquele jogo foi muito mal, horrível. O curioso é que antes da partida, a imprensa me enaltecia e depois todos caíram em cima. Esqueceram os elogios, pegaram esse 7 a 2 e vieram de metralhadora. Se fosse outro cara encerraria a carreira - comentou Andrade sobre a fatídica partida de 2005 em declaração ao LANCE!Net.

- Não existe frustração alguma. Todos os desafios me fizeram crescer muito profissionalmente e eu só um cara muito positivo. Acredito que o tamanho do obstáculo depende da importância que você dá a ele. Então, levo como aprendizado - disse.

Dispensado do clube carioca um dia após o confronto da Arena da Baixada, Andrade conheceu sua reabilitação profissional atuando em solo europeu, onde defendeu as cores do Steaua Bucaresti, da Romênia, e do Olympique de Marseille, da França. No time francês, o goleiro chegou a disputar três edições de Liga dos Campeões e conquistou ainda o tricampeonato da Taça da Liga da França e o Campeonato Francês em 2010. No início deste ano, Andrade acertou o seu retorno ao futebol brasileiro, mas sem oportunidade no Náutico se transferiu para o Ermis Aradippou, do Chipre.

Andrade realizou o seu primeiro treino com bola no Duque de Caxias nesta terça-feira, quando foi apresentado oficialmente à imprensa e posou com a camisa tricolor. A tendência é que cerca de 10 reforços sejam anunciados ainda durante a semana, assim como a renovação de vínculos pendentes.