icons.title signature.placeholder Guilherme Borini
02/12/2013
14:17

O goleiro Roberto está de olho no Lanús (ARG), adversário da Ponte Preta na final da Copa Sul-Americana. O camisa 1 pontepretano acompanhou atentamente ao jogo do time argentino, no último domingo. A equipe empatou em 2 a 2 com o Boca Juniors, em casa, e se manteve na segunda colocação do campeonato local, a apenas uma rodada do final.

Mesmo poupando alguns atletas para a final da Sul-Americana, o Lanús mostrou sua força e, com dois jogadores a menos, segurou o empate e tirou o Boca da briga pelo título.

- É uma equipe muito qualificada. Tem o meia Melano, que é bom jogador. Eu acompanhei quatro jogos deles. Além desse contra o Boca, os dois das semifinais da Sul-Americana e também contra o River pelo Argentino. Esse jogador se destacou em todos. O goleiro também é muito bom, o lateral-esquerdo, capitão do time, chuta forte - disse Roberto, ao LANCE!Net.

O goleiro da Macaca não teme o "La Fortaleza", como é conhecido o estádio do Lanús, que estará lotado na partida final da Sul-Americana.

- O estádio vai estar lotado de novo, mas isso não importa. Grito não mata ninguém. Eu gosto de estádio lotado, tanto aqui quanto lá. Quanto mais gente no estádio, mais motivação para mim - completou

O técnico da Ponte, Jorginho, também está atento ao adversário, e destacou o trabalho do técnico Guillermo Barros Schelotto.

- O Schelotto foi um jogador muito inteligente e habilidoso. Já fiquei sabendo que ele trabalha muito a equipe taticamente e deu para ver isso porque, mesmo em casa, com a vantagem de 2 a 1, ele estava muito bem posicionado e deu para ver que ele trabalha muito isso. E é essa a dificuldade que vamos enfrentar, além da qualidade de alguns jogadores. Sabemos que o grau de dificuldade vai ser enorme. Não tem mais a questão do gol fora de casa, então muda um pouco a estratégia. Temos que trabalhar muito e virar a página e esquecer completamente o Brasileiro, que já era - disse Jorginho, em entrevista coletiva após a derrota para a Portuguesa, que sacramentou o rebaixamento da equipe.

Ponte Preta e Lanús começam nesta quarta-feira, às 21h50, no Pacaembu, as finais da Sul-Americana. A segunda partida está marcada para o próximo dia 11, no mesmo horário, na Argentina.