icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
26/08/2015
21:53

Eliminado da Copa do Brasil após a derrota por 3 a 0 para o São Paulo, nesta quarta, o Ceará volta suas forças à disputa da Série B. 19º colocado, com 17 pontos, o Vozão luta para não cair para a Terceira Divisão. Após o duelo contra o Tricolor paulista, o goleiro Luiz enalteceu a presença dos torcedores alvinegros à Arena Castelão.

- Agradeço a presença da torcida, nos apoiando, não só hoje, mas em vários jogos. Temos que continuar trabalhando para dar um presente a eles e no final do ano sair dessa situação na Série B - comentou Luiz.

O arqueiro ressaltou a doação do time cearense, contestou os lances polêmicos da partida, mas salientou que não há tempo para lamento.

- Acho que nossa equipe se doou ao máximo. Infelizmente, houve um jogador expulso, não sei se foi merecido, pois o Wellington (Carvalho, zagueiro) acabou escorregando. O pênalti eu não sei se foi, mas não adianta ficar se lamentando, se desculpando. Infelizmente não conseguimos - disse o goleiro, que também projetou o jogo deste sábado, contra o Atlético-GO, pela Segundona.

- Agora, é levantar a cabeça rápido porque temos um compromisso com o Ceará na Série B, para tentar tirar o time dessa situação - completou.

Eliminado da Copa do Brasil após a derrota por 3 a 0 para o São Paulo, nesta quarta, o Ceará volta suas forças à disputa da Série B. 19º colocado, com 17 pontos, o Vozão luta para não cair para a Terceira Divisão. Após o duelo contra o Tricolor paulista, o goleiro Luiz enalteceu a presença dos torcedores alvinegros à Arena Castelão.

- Agradeço a presença da torcida, nos apoiando, não só hoje, mas em vários jogos. Temos que continuar trabalhando para dar um presente a eles e no final do ano sair dessa situação na Série B - comentou Luiz.

O arqueiro ressaltou a doação do time cearense, contestou os lances polêmicos da partida, mas salientou que não há tempo para lamento.

- Acho que nossa equipe se doou ao máximo. Infelizmente, houve um jogador expulso, não sei se foi merecido, pois o Wellington (Carvalho, zagueiro) acabou escorregando. O pênalti eu não sei se foi, mas não adianta ficar se lamentando, se desculpando. Infelizmente não conseguimos - disse o goleiro, que também projetou o jogo deste sábado, contra o Atlético-GO, pela Segundona.

- Agora, é levantar a cabeça rápido porque temos um compromisso com o Ceará na Série B, para tentar tirar o time dessa situação - completou.