icons.title signature.placeholder Ivo Felipe
05/12/2013
14:10

Sede do Grupo B do Mundial de Handebol feminino - chave da Seleção Brasileira -, o ginásio Hala Cair, em Nis (SER), está quase pronto para receber os duelos da competição. Nesta quinta-feira, a um dia da Cerimônia de Abertura do campeonato, operários retocavam os últimos detalhes da arena, que conta com capacidade para cerca de 4 mil espectadores. 

O local foi construído em 1974, mas foi totalmente remodelado em 2012, uma vez que recebeu as partidas do Campeonato Europeu masculino de handebol daquela temporada. A arena é considerada a principal praça do handebol na Sérvia. Não por acaso, o país-sede do torneio pôde optar por mandar os seus duelos do Mundial na cidade. 

Três seleções ainda fariam o reconhecimento da arena nesta quinta-feira: além das donas da casa, sérvias, o Japão e a seleção chinesa também treinariam no local. Sérvia x Japão será o duelo que abrirá o Mundial de Handebol, nesta sexta-feira, a partir das 15h (pelo horário de Brasília). 

A Seleção Brasileira estreará na competição apenas no sábado, contra a seleção da Argélia. As brasileiras chegam a Nis ainda nesta quinta-feira, mas não farão nenhum treino na Hala Cair antes do debute no Mundial. Nesta sexta-feira, a equipe comandada pelo dinamarquês Morten Soubak treinará em uma escola local.  Além dos times que abrem o torneio e Brasil e Argélia, a Chave B ainda conta China e Dinamarca, que é a cabeça de chave.