icons.title signature.placeholder RADAR/RNL - Folha de Londrina (PR)
05/02/2015
14:04

O Londrina fez mais uma vítima, nesta quarta-feira, no Estádio do Café. Em um jogo difícil contra o Nacional, de Rolândia, o Tubarão fez valer novamente o fator casa e venceu por 1 a 0, pelo Paranaense. O gol foi do volante Germano.

O Londrina, que já havia batido em casa o Foz do Iguaçu na estreia  por 3 a 0, mantém a liderança, agora com seis pontos. O Tubarão divide a ponta com Coritiba, que venceu o Maringá por 3 a 1, na capital, e J. Malucelli, que bateu o Prudentópolis fora por 3 a 0.

Antes da bola rolar, foi lembrado um minuto de silêncio em memória do superintendente da Folha de Londrina, José Eduardo de Andrade Vieira. O Nacional logo mostrou a que veio. Fechado na defesa, o time de Rolândia complicava a armação de jogadas do Tubarão, que tocava a bola com paciência, buscando os espaços na defesa adversária. O Londrina respondeu aos 18 minutos. E com o gol. Celsinho cobrou falta na área, o goleiro Aleks não saiu e Germano aproveitou para fazer o primeiro do LEC na partida e seu primeiro no retorno ao clube. No segundo temp o Londrina foi melhor, Arthur criou boas chances, diminuiu o ritimo no fim e chegou a levar pressão. Mas o jogo ficou no 1 a 0.  

E MAIS:
> Veja como foi a vitória do Coritiba na rodada deste meio de semana do Paranaense
> Sub-23 do Atlético é derrotado no paranaense. Confira

- De fato, foi um jogo mais truncado do que esperávamos. Agora o que temos que ter é esse equilíbrio, o mais importante é essa sequência de vitórias em casa. Fizemos seis pontos, e essa regularidade é importante para a sequência, falou o meia Celsinho.

- Foi uma noite de dedicação, o Nacional se mostrou uma equipe bem competitiva, mas nosso time foi coeso, teve chance de ampliar e mereceu o resultado. Estamos de parabéns pela dedicação de todos e pelo resultado, emendou Germano.