icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
23/02/2015
13:57

No último domingo, a equipe do Avaí conquistou a sua primeira vitória no Catarinense de forma eletrizante. Enfrentando o Marcílio Dias em Camboriú, o Leão da Ilha derrotou o Marinheiro por 4 a 3 e deixou a lanterna do Estadual.

Feliz com a conquista do grupo, o treinador Geninho fez questão de destacar a entrega do time azzurra em campo, que apesar de ter deixado a desejar na parte técnica, jogou com vontade de vencer.

- O gramado pesado, ficava difícil de conduzir o passe. E os times jogaram aquele jogo de chutão e bola na área. O Marcílio estava mais adaptado e o Avaí sentiu a dificuldade. Só que acima de tudo valeu a vitória, o time precisava disso e o mérito grande de todos os jogadores. Alguns jogadores não aguentaram, como Willian Rocha, o André Lima, o Tinga, mas tem que se dar parabéns a esse grupo que quer mostrar que pode.

Com o resultado deste domingo, o Leão da Ilha subiu uma posição na tabela, ocupando o 9º lugar, com 5 pontos somados. A três rodadas do fim da fase classificatória, Geninho ainda não descarta a possibilidade de avançar para o hexagonal final, mas reconhece a dificudade.

- Complicado é, mas é possível. Só que não é bom trabalhar sempre no limite, mas infelizmente por um começo ruim que tivemos e chances que deixamos escapar, você está nessa situação. Não vai ser fácil e o que vai valer é a vitória no final se conseguirmos, vamos torcer para que a gente consiga. Se fizermos bem essas vitórias, a equipe entra motivada, mas falta muita coisa ainda.