icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
11/07/2013
07:23


Quem sentar em frente à televisão para assistir ao confronto entre Grêmio e Botafogo, no domingo, às 16h, na Arena, em Porto Alegre, verá dois fenômenos da genética. Zé Roberto, de 39 anos, e Seedorf, de 37, são os destaques de suas equipes apesar da idade avançada. Ainda correndo como garotos, ostentam a mítica camisa 10 por puro merecimento. 

Eles atuaram juntos pelo Real Madrid (ESP), na temporada 97/98, e o holandês - que já era um nome consolidado no cenário europeu - ajudou o garoto recém-contratado junto a Portuguesa a se adaptar ao futebol do Velho Continente.

Entretanto, o reencontro depois de 14 anos não foi nada agradável para o alvinegro. A partida entre Botafogo e Grêmio pelo turno do Brasileirão passado marcou a estreia de Seedorf com a camisa do Glorioso, mas ele saiu derrotado após atuação exuberante de Zé Roberto.

Seedorf x Zé Roberto: quem levará a melhor no domingo? (Foto: Alexandre Loureiro/ LANCE!Press)

Além do ganho técnico com os dois em campo, Botafogo e Grêmio têm a certeza de que poderão contar sempre com eles em campo. Afinal, ainda não se lesionaram em 2013 e só ficaram fora de partidas por precaução. Um exemplo para os jovens que convivem com problemas físicos.

Para o compromisso de domingo, a expectativa de Seedorf é que a história seja diferente. Mas qualquer que seja o resultado, existe uma certeza: será uma pena quando essa dupla se retirar dos gramados.

Números da dupla na atual temporada

Seedorf

Jogos - 22
Gols - 9 (vice-artilheiro do time)
Assistências - 7
Dribles - 45
Passes certos - 647

Zé Roberto

Jogos - 24
Gols - 8 (artilheiro do time)
Assistências - 3
Dribles - 38
Passes certos - 831


Quem sentar em frente à televisão para assistir ao confronto entre Grêmio e Botafogo, no domingo, às 16h, na Arena, em Porto Alegre, verá dois fenômenos da genética. Zé Roberto, de 39 anos, e Seedorf, de 37, são os destaques de suas equipes apesar da idade avançada. Ainda correndo como garotos, ostentam a mítica camisa 10 por puro merecimento. 

Eles atuaram juntos pelo Real Madrid (ESP), na temporada 97/98, e o holandês - que já era um nome consolidado no cenário europeu - ajudou o garoto recém-contratado junto a Portuguesa a se adaptar ao futebol do Velho Continente.

Entretanto, o reencontro depois de 14 anos não foi nada agradável para o alvinegro. A partida entre Botafogo e Grêmio pelo turno do Brasileirão passado marcou a estreia de Seedorf com a camisa do Glorioso, mas ele saiu derrotado após atuação exuberante de Zé Roberto.

Seedorf x Zé Roberto: quem levará a melhor no domingo? (Foto: Alexandre Loureiro/ LANCE!Press)

Além do ganho técnico com os dois em campo, Botafogo e Grêmio têm a certeza de que poderão contar sempre com eles em campo. Afinal, ainda não se lesionaram em 2013 e só ficaram fora de partidas por precaução. Um exemplo para os jovens que convivem com problemas físicos.

Para o compromisso de domingo, a expectativa de Seedorf é que a história seja diferente. Mas qualquer que seja o resultado, existe uma certeza: será uma pena quando essa dupla se retirar dos gramados.

Números da dupla na atual temporada

Seedorf

Jogos - 22
Gols - 9 (vice-artilheiro do time)
Assistências - 7
Dribles - 45
Passes certos - 647

Zé Roberto

Jogos - 24
Gols - 8 (artilheiro do time)
Assistências - 3
Dribles - 38
Passes certos - 831