icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/07/2014
17:02

O argentino Ricardo Gareca, técnico do Palmeiras, não esconde a ansiedade pela final da Copa do Mundo. Em entrevista à TV Palmeiras, o "hermano" falou sobre a decisão de domingo, contra a Alemanha, e classificou o vexame brasileiro na semifinal (derrota por 7 a 1 para os germânicos) como "inesperado", mas que poderia acontecer com qualquer um.

- Foi algo inesperado, ninguém imaginava. Qualquer seleção que enfrentasse essa Alemanha poderia passar pelo que o Brasil passou. Cinco minutos de descontrole e cinco minutos de perfeição do adversário, que converteu gols em todas as chances que teve. Foi uma partida perfeita da Alemanha. Na final, esperamos que não aconteça (risos) - disse o treinador.

- Fazia 24 anos que a Argentina não ia à semi e à final. Então é muito bom, muito importante para a Argentina e importante para a América do Sul também. Como argentino, desejo que a Argentina ganhe. Tenho fé que possa ganhar - acrescentou.

Ex-centroavante, Gareca jogou pela seleção argentina, mas não disputou Copas. Mesmo assim, ele sabe que a torcida "albiceleste", que estará em grande número no Maracanã, pode fazer a diferença.

- Impressiona porque é muito fanática. Não me surpreende que venha tanta gente para ver a final. O Brasil fica perto e as pessoas estão muito entusiasmadas com essa Copa do Mundo. Espero que pelo povo, pelos jogadores, pelo corpo técnico e pela Argentina se possa ganhar o título.