icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
08:12

A supremacia do Flamengo em número de torcedores em relação aos rivais é fato consumado. Agora, o clube está diante de atingir outro feito significativo. Além de uma vaga na Libertadores no ano que vem, o time vê na conquista da Copa do Brasil, que será disputada nesta quarta-feira, contra o Atlético-PR, às 21h50, no Maracanã – com transmissão em tempo real pelo LANCE!Net –, a possibilidade de ficar a um título de igualar a marca de conquistas dos outros três rivais juntos nos últimos 15 anos.

Neste período, o Flamengo conquistou oito Campeonatos Cariocas, uma Copa Mercosul, um Brasileiro, uma Copa do Brasil e uma Copa dos Campeões, totalizando 12 troféus. Enquanto isso, o Fluminense acumula seis taças, o Vasco cinco e o Botafogo, três (14 no geral).

E MAIS
> André Santos: 'A um passo de botar o meu nome na história do Flamengo'
> Léo Moura adota cautela para final: 'Precisamos saber a hora de atacar'
> Na véspera da decisão, Luiz Antonio revela expectativa por título

Presente em boa parte dessas campanhas vitoriosas, o lateral-direito Léo Moura possui pelo clube quatro estaduais, um Brasileiro e uma Copa do Brasil. Porém, esta é a primeira vez que ele tem a oportunidade de levantar a taça como capitão. Por isso, está difícil até para o jogador mais experiente do elenco rubro-negro segurar a ansiedade.

– É um sentimento parecido ao de 2006. Mais uma final de Copa do Brasil, vem aquela ansiedade de como vai ser o término do jogo, ficamos imaginando o título. Vai ser muito duro. Precisaremos ser inteligentes, saber que temos o apoio de nosso torcedor. Vai ser a minha primeira final como capitão. Chega quinta-feira, mas não chega quarta – brincou o lateral-direito.

Clube carioca com maioria de torcedores, o Flamengo se vê a 90 minutos de ficar mais perto ainda de arrumar outro motivo para deixar a Nação mais orgulhosa. Um ano que se antevia de sofrimento pode terminar cheio de alegria.