icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/08/2015
14:59

Último campeão turco, o Galataray sonhou alto, mas acabou acordado pela dura realidade durante a atual janela de transferências do futebol europeu. Segundo o presidente do rival Fenerbahçe, Aziz Yildrim, o clube tentou as contratações dos atacantes Ibrahimovic (Paris Saint-Germain) e Robben (Bayern de Munique) durante o vaivém.

- O Galatasaray falou com Ibra no mês passado. O nosso diretor desportivo Guilliano Terraneo entrou em contato com Mino Raiola (empresário do astro sueco) para saber a situação de Ibrahimovic no PSG, mas Raiola disse que se sair seria para o Fenerbahçe, não para o Galatasarary. Eles ainda procuraram o Bayern, que não quis vender Robben - afirmou o dirigente ao site "goal.com".

Para a atual temporada, a contratação de maior impacto do Galatasaray foi o atacante Podolski, ex-Arsenal e campeão do mundo pela seleção alemã. Ele custou 2,5 milhões de euros (R$ 10,2 milhões) aos cofres do clube de Istambul.

Já o Fenerbahçe investiu mais pesado e trouxe nomes como Nani, Van Persie, ambos ex-Manchester United, além do volante Souza, ex-São Paulo.

Último campeão turco, o Galataray sonhou alto, mas acabou acordado pela dura realidade durante a atual janela de transferências do futebol europeu. Segundo o presidente do rival Fenerbahçe, Aziz Yildrim, o clube tentou as contratações dos atacantes Ibrahimovic (Paris Saint-Germain) e Robben (Bayern de Munique) durante o vaivém.

- O Galatasaray falou com Ibra no mês passado. O nosso diretor desportivo Guilliano Terraneo entrou em contato com Mino Raiola (empresário do astro sueco) para saber a situação de Ibrahimovic no PSG, mas Raiola disse que se sair seria para o Fenerbahçe, não para o Galatasarary. Eles ainda procuraram o Bayern, que não quis vender Robben - afirmou o dirigente ao site "goal.com".

Para a atual temporada, a contratação de maior impacto do Galatasaray foi o atacante Podolski, ex-Arsenal e campeão do mundo pela seleção alemã. Ele custou 2,5 milhões de euros (R$ 10,2 milhões) aos cofres do clube de Istambul.

Já o Fenerbahçe investiu mais pesado e trouxe nomes como Nani, Van Persie, ambos ex-Manchester United, além do volante Souza, ex-São Paulo.