icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/04/2014
08:04

O fato de o Santos ser o único entre os grandes de São Paulo sem ter vencido nenhum jogo no Campeonato Brasileiro não incomoda o atacante Gabriel, artilheiro da equipe em 2014, com dez gols marcados. Apesar dos empates por 1 a 1 com o Sport e 0 a 0 com o Coritiba, o camisa 7 mantém fé no título nacional e avisa que o setor ofensivo do Peixe, que já anotou 51 gols no ano, não vive uma crise técnica.

- Não tem essa história de seca de gols, não. Um a zero também soma três pontos, não conta vitória só quando é de cinco para cima. Acho que os torcedores e vocês da imprensa estão desacostumados, mas o futebol também pode ser simples. Vamos tentar começar a vencer, começando por sábado - disse Gabriel durante evento de uma patrocinadora, nesta terça-feira, em São Paulo.

O atacante de 17 anos atuou como ponta diante do Coritiba, e vinha tendo sequência no meio de campo, com Arouca e Cícero mais recuado. Sem se importar com o posicionamento em campo e se oferecendo para jogar "até de zagueiro", Gabriel ainda acredita que o Santos pode ser campeão brasileiro de 2014. E o primeiro passo, de acordo com o jogador, pode ser dado neste sábado, às 18h30, na Vila Belmiro.

- O Santos quer ser campeão, ele sempre entra para ser campeão. Sábado tem um jogo importante dentro de casa, contra o Grêmio, e esperamos a vitória para começar essa caminhada.