icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
12/07/2013
11:03

Pato deu um importante passo para virar, enfim, titular no Timão. Antes utilizado como atacante centralizado, sozinho ou ao lado de Guerrero, ele foi testado aberto pelo lado esquerdo, na vitória por 2 a 0 – gols dele – sobre o Bahia, no último domingo. O novo posicionamento foi aprovado por Tite, que gostou da “resposta“.

Segundo o técnico, antes da partida em Salvador, a iniciativa partiu do próprio camisa 7, que já mostra boa condição física para atuar aberto na linha de meias do 4-2-3-1.

– Foi a melhor resposta que tive. Não só pelos gols, mas pelos movimentos que demonstrou na posição. Ele entrou bem na diagonal e, com ajustes, vai usar cada vez mais o pivô (Guerrero). Pato não gosta de jogar de costas para o gol – disse Tite, em entrevista ao LANCE!Net.

A adaptação do centroavante, no entanto, não vai parar apenas no posicionamento ofensivo. Para ser efetivado no esquema, Pato terá de marcar e fechar espaços, principalmente do lateral-direito adversário. A função é bem comum no Timão e outros jogadores “aprenderam” a missão (veja abaixo).

E Tite já viu sinais de que o atacante pode se enquadrar no que lhe é pedido. O resultado contra o Bahia, para o técnico, foi nítido.

– Foi bem no posicionamento. Mas estou cobrando competitividade. Ele já fez mais faltas contra o Bahia. Disse que quero ele competindo e que vai pegar aos poucos. Pode até fazer faltas, é do jogo, mas quero ajudando os companheiros. Não tem como fugir disso – disse.


Com a palavra

Fabio Mahseredjian
Preparador Físico do Corinthians, em entrevista ao LANCE!Net

"Entendo que hoje o Pato tem totais condições físicas para fazer esse papel para o time. Realmente é mais desgastante, mas ele está bem condicionado. Sua evolução na minha área desde que chegou ao clube chama a atenção. Ele aumentou muito fatores como potência, resistência... Está com números bem acima de quando chegou. Ele tem só crescido.

Para iso é sempre um conjunto de fatores, mas o fato das lesões terem parado também pesa. Mas qualquer mudança tática precisa de um tempo de adaptação."


Como jogar?

Na nova função, atuará aberto pelo lado esquerdo na linha de meias do 4-2-3-1. Teoricamente, fica mais longe do gol, mas o faz jogar de frente para o marcador, como gosta. Destro, não vai à linha de fundo, mas corta para a diagonal para usar suas qualidades: a explosão e a finalização.


Quem aprendeu?

Emerson Sheik
Atuou como segundo atacante por onde passou, no Timão tem voltado para marcar.

Romarinho
Sentiu dificuldades quando chegou, mas foi trabalhado e hoje faz a função como poucos.

Willian
Hoje no Metalist (UCR), era segundo atacante e aprendeu a marcar o lateral. Cansava logo.

Alex
Atualmente no Al-Gharafa (QAT), era meia centralizado. Jogou na esquerda um tempo.

Pato deu um importante passo para virar, enfim, titular no Timão. Antes utilizado como atacante centralizado, sozinho ou ao lado de Guerrero, ele foi testado aberto pelo lado esquerdo, na vitória por 2 a 0 – gols dele – sobre o Bahia, no último domingo. O novo posicionamento foi aprovado por Tite, que gostou da “resposta“.

Segundo o técnico, antes da partida em Salvador, a iniciativa partiu do próprio camisa 7, que já mostra boa condição física para atuar aberto na linha de meias do 4-2-3-1.

– Foi a melhor resposta que tive. Não só pelos gols, mas pelos movimentos que demonstrou na posição. Ele entrou bem na diagonal e, com ajustes, vai usar cada vez mais o pivô (Guerrero). Pato não gosta de jogar de costas para o gol – disse Tite, em entrevista ao LANCE!Net.

A adaptação do centroavante, no entanto, não vai parar apenas no posicionamento ofensivo. Para ser efetivado no esquema, Pato terá de marcar e fechar espaços, principalmente do lateral-direito adversário. A função é bem comum no Timão e outros jogadores “aprenderam” a missão (veja abaixo).

E Tite já viu sinais de que o atacante pode se enquadrar no que lhe é pedido. O resultado contra o Bahia, para o técnico, foi nítido.

– Foi bem no posicionamento. Mas estou cobrando competitividade. Ele já fez mais faltas contra o Bahia. Disse que quero ele competindo e que vai pegar aos poucos. Pode até fazer faltas, é do jogo, mas quero ajudando os companheiros. Não tem como fugir disso – disse.


Com a palavra

Fabio Mahseredjian
Preparador Físico do Corinthians, em entrevista ao LANCE!Net

"Entendo que hoje o Pato tem totais condições físicas para fazer esse papel para o time. Realmente é mais desgastante, mas ele está bem condicionado. Sua evolução na minha área desde que chegou ao clube chama a atenção. Ele aumentou muito fatores como potência, resistência... Está com números bem acima de quando chegou. Ele tem só crescido.

Para iso é sempre um conjunto de fatores, mas o fato das lesões terem parado também pesa. Mas qualquer mudança tática precisa de um tempo de adaptação."


Como jogar?

Na nova função, atuará aberto pelo lado esquerdo na linha de meias do 4-2-3-1. Teoricamente, fica mais longe do gol, mas o faz jogar de frente para o marcador, como gosta. Destro, não vai à linha de fundo, mas corta para a diagonal para usar suas qualidades: a explosão e a finalização.


Quem aprendeu?

Emerson Sheik
Atuou como segundo atacante por onde passou, no Timão tem voltado para marcar.

Romarinho
Sentiu dificuldades quando chegou, mas foi trabalhado e hoje faz a função como poucos.

Willian
Hoje no Metalist (UCR), era segundo atacante e aprendeu a marcar o lateral. Cansava logo.

Alex
Atualmente no Al-Gharafa (QAT), era meia centralizado. Jogou na esquerda um tempo.