icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/07/2013
16:15

A Frente Nacional dos Torcedores publicou um manifesto nesta quinta-feira em que pede, mais uma vez, a renúncia imediata do presidente da CBF e do COL, José Maria Marin, a aprovação da PEC 202/2012, sobre regulamentação esportiva e a abertura de um diálogo direto com a presidente Dilma Rousseff.

E MAIS:

Manifestantes invadem prédio da CBF, na Barra da Tijuca

Há cerca de quatro meses, a FNT lançou a campanha 'Fora, Marin! Regulamentação Desportiva Já!" e tem feito protestos contra o dirigente em diversas capitais brasileiras. No domingo, eles ocuparam o terreno onde está sendo construída a nova sede da entidade, na Barra da Tijuca.

No manifesto, a FNT pede também a revogaçaõ de alguns pontos da Lei Geral da Copa que, segundo eles, fere a soberania nacional em benefício da Fifa. A FNT também quer rediscutir o Estatuto do Torcedor, com maior participação dos torcedores na elaboração do texto.

A Frente Nacional dos Torcedores publicou um manifesto nesta quinta-feira em que pede, mais uma vez, a renúncia imediata do presidente da CBF e do COL, José Maria Marin, a aprovação da PEC 202/2012, sobre regulamentação esportiva e a abertura de um diálogo direto com a presidente Dilma Rousseff.

E MAIS:

Manifestantes invadem prédio da CBF, na Barra da Tijuca

Há cerca de quatro meses, a FNT lançou a campanha 'Fora, Marin! Regulamentação Desportiva Já!" e tem feito protestos contra o dirigente em diversas capitais brasileiras. No domingo, eles ocuparam o terreno onde está sendo construída a nova sede da entidade, na Barra da Tijuca.

No manifesto, a FNT pede também a revogaçaõ de alguns pontos da Lei Geral da Copa que, segundo eles, fere a soberania nacional em benefício da Fifa. A FNT também quer rediscutir o Estatuto do Torcedor, com maior participação dos torcedores na elaboração do texto.