icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2014
20:13

Depois de um início de Campeonato Brasileiro empolgante, o Fluminense começa a enxergar a realidade. As chances de o time chegar à Libertadores são mínimas e, para isso, é preciso uma improvável combinação de resultados. Ao contrário do que muitos pensam, Fred acredita que a fase que a equipe atravessa na competição não pode ser considerada frustrante, pois trata-se, praticamente, do mesmo elenco que foi rebaixado anteriormente.

– Este time é o mesmo que caiu no ano passado. Só não foi rebaixado devido ao erro da Portuguesa (que escalou Heverton de maneira irregular e foi punida com perda de pontos). Temos que ser realistas. Encontramos um caminho, Cristovão colocou uma filosofia, tentamos praticá-la e erramos mais do que os outros times que estão à frente – afirmou.

O centroavante, que neste domingo anotou um belo gol já nos acréscimos do confronto contra o Leão, na Arena Pernambuco, também comentou sobre o desmanche que o time deve sofrer em 2015, com a redução de investimentos já anunciada pela Unimed, patrocinadora do clube e que arca com grande parte das despesas do time profissional. Ele mostrou esperança de que o time possa melhorar depois disso:

– Se for analisar, não está fácil. Está complicado para nós e para os outros também. Foi difícil no ano passado e este ano também está assim. Mas agora está melhor do que antes. No ano que vem já vão sair vários jogadores e esperamos nos planejar melhor para que a equipe melhore.

O camisa 9 também analisou o desempenho recente do Tricolor. Ele lamentou o fato de o time estar apresentando bons resultados, mas não estar conseguindo se aproximar do grupo de cima da tabela por conta das vitórias dos rivais:

– Nossa equipe vem de oito jogos. Nestes, foram cinco vitórias, duas derrotas e um empate. Mesmo com essa pontuação ainda estamos longe do G4, mas também é preciso dar méritos para as outras equipes, que se prepararam melhor do que nós, conseguiram melhores resultados e, por isso, estão na frente.

Se o Fluminense está cada vez mais longe do objetivo de se classificar para a Libertadores, Fred ainda mantém um objetivo individual na competição nacional. Com o gol anotado no fim da partida, o centroavante chegou aos 15 gols neste Brasileirão e está vivo na briga pela artilharia. Restam dois jogos.