icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/07/2013
15:18

Profissionais da imprensa, dirigentes e autoridades conversam no gramado (Foto: Ricardo Rímoli)

A forte neblina característica de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, está presente no Estádio Francisco Stédile, o Centenário, que receberá o jogo entre Internacional e Vasco, marcado para ter início às 16h deste domingo, e válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

O árbitro Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG), os auxiliares Carlos Berkenbrock (SC) e Pablo Almeida da Costa (MG) e o quatro árbitro Luis Teixeira Rocha (RS) já avaliaram as condições de visibilidade para a realização da partida, assim como dirigentes de Inter e Vasco. Os profissionais da imprensa são os mais preocupados com as atuais condições.

A tendência é que o jogo aconteça, uma vez que a movimentação é normal no estádio do Caxias e as autoridades não se pronunciaram sobre um possível cancelamento do jogo. Até mesmo os refletores do Centenário já foram ligados.


Profissionais da imprensa, dirigentes e autoridades conversam no gramado (Foto: Ricardo Rímoli)

A forte neblina característica de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, está presente no Estádio Francisco Stédile, o Centenário, que receberá o jogo entre Internacional e Vasco, marcado para ter início às 16h deste domingo, e válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

O árbitro Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG), os auxiliares Carlos Berkenbrock (SC) e Pablo Almeida da Costa (MG) e o quatro árbitro Luis Teixeira Rocha (RS) já avaliaram as condições de visibilidade para a realização da partida, assim como dirigentes de Inter e Vasco. Os profissionais da imprensa são os mais preocupados com as atuais condições.

A tendência é que o jogo aconteça, uma vez que a movimentação é normal no estádio do Caxias e as autoridades não se pronunciaram sobre um possível cancelamento do jogo. Até mesmo os refletores do Centenário já foram ligados.