icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/07/2013
18:34

O Fluminense confirmou, no início desta noite, a rescisão amigável do goleiro Ricardo Berna, que vai defender as cores do Náutico. O jogador, de 34 anos, tinha contrato com o Tricolor até o fim desta temporada, mas a diretoria atendeu ao pedido do atleta e não dificultou a saída. O camisa 1 estava nas Laranjeiras desde 2005.

O site oficial do Fluminense prestou uma bonita homenagem ao goleiro, deixando claro o agradecimento pelos serviços prestados ao longo de todos estes anos. Para isso, o departamento de marketing preparou uma bonita arte e considerou o goleiro como ídolo da torcida tricolor.

Apesar de não ter concedido a última coletiva de imprensa como jogador do clube, Berna deu entrevista ao site oficial e manifestou em palavras o sentimento de sair de um clube após oito anos de glórias, mudanças, crescimento, tristezas e amizades.

- Aqui eu pude aprender muito. Tive boas referências, convivi com muita coisa, com pessoas indo e chegando. Eu busco sempre aprender e o Fluminense me deu a oportunidade de conviver com pessoas vencedoras. É um grande clube, com uma torcida imensa e apaixonada. Quando eu cheguei, o clube buscava um novo modelo, mais profissional, e eu participei desse processo desde o início. Jamais esquecerei dos profissionais que aqui trabalham. Hoje, posso dizer com propriedade que as pessoas que trabalham aqui são de um nível profissional espetacular - comentou.

E MAIS:
> Ricardo Berna aparece nas Laranjeiras e se despede dos companheiros
> Com moral, Fred retorna aos treinos do Flu e garante presença no clássico

Os dirigentes também parabenizaram o goleiro por toda a história dele no clube e desejaram sorte para ele neste novo desafio na carreira.

- Falar do Berna sempre requer muita atenção, pois ele é um jogador que fez parte da história do Fluminense como poucos. Sempre foi um profissional exemplar e com um compromisso impar. Um jogador que sempre conseguiu acompanhar o pensamento de evolução profissional que tentamos implantar. Dentro de campo, não precisa nem falar. Participou de todos os títulos que conquistamos nos últimos anos e que nos colocaram no atual patamar de destaque no cenário brasileiro. Nós desejamos que ele possa contribuir com todas essas qualidades onde ele estiver trabalhando. Sua bela trajetória aqui estará sempre presente na memória de todos os tricolores - disse o vice de futebol, Sandro Lima.

Com a camisa tricolor, Ricardo Berna conquistou duas edições do Campeonato Brasileiro (2010 e 2012), a Copa do Brasil 2007 e o Campeonato Carioca do ano passado. No mês passado, viajou como titular para a excursão nos Estados Unidos, já que Diego Cavalieri estava com a Seleção Brasileira.


O Fluminense confirmou, no início desta noite, a rescisão amigável do goleiro Ricardo Berna, que vai defender as cores do Náutico. O jogador, de 34 anos, tinha contrato com o Tricolor até o fim desta temporada, mas a diretoria atendeu ao pedido do atleta e não dificultou a saída. O camisa 1 estava nas Laranjeiras desde 2005.

O site oficial do Fluminense prestou uma bonita homenagem ao goleiro, deixando claro o agradecimento pelos serviços prestados ao longo de todos estes anos. Para isso, o departamento de marketing preparou uma bonita arte e considerou o goleiro como ídolo da torcida tricolor.

Apesar de não ter concedido a última coletiva de imprensa como jogador do clube, Berna deu entrevista ao site oficial e manifestou em palavras o sentimento de sair de um clube após oito anos de glórias, mudanças, crescimento, tristezas e amizades.

- Aqui eu pude aprender muito. Tive boas referências, convivi com muita coisa, com pessoas indo e chegando. Eu busco sempre aprender e o Fluminense me deu a oportunidade de conviver com pessoas vencedoras. É um grande clube, com uma torcida imensa e apaixonada. Quando eu cheguei, o clube buscava um novo modelo, mais profissional, e eu participei desse processo desde o início. Jamais esquecerei dos profissionais que aqui trabalham. Hoje, posso dizer com propriedade que as pessoas que trabalham aqui são de um nível profissional espetacular - comentou.

E MAIS:
> Ricardo Berna aparece nas Laranjeiras e se despede dos companheiros
> Com moral, Fred retorna aos treinos do Flu e garante presença no clássico

Os dirigentes também parabenizaram o goleiro por toda a história dele no clube e desejaram sorte para ele neste novo desafio na carreira.

- Falar do Berna sempre requer muita atenção, pois ele é um jogador que fez parte da história do Fluminense como poucos. Sempre foi um profissional exemplar e com um compromisso impar. Um jogador que sempre conseguiu acompanhar o pensamento de evolução profissional que tentamos implantar. Dentro de campo, não precisa nem falar. Participou de todos os títulos que conquistamos nos últimos anos e que nos colocaram no atual patamar de destaque no cenário brasileiro. Nós desejamos que ele possa contribuir com todas essas qualidades onde ele estiver trabalhando. Sua bela trajetória aqui estará sempre presente na memória de todos os tricolores - disse o vice de futebol, Sandro Lima.

Com a camisa tricolor, Ricardo Berna conquistou duas edições do Campeonato Brasileiro (2010 e 2012), a Copa do Brasil 2007 e o Campeonato Carioca do ano passado. No mês passado, viajou como titular para a excursão nos Estados Unidos, já que Diego Cavalieri estava com a Seleção Brasileira.