icons.title signature.placeholder Marcello Vieira
19/04/2014
07:14

Contra tudo e contra todos. Poucos times do futebol nacional podem desfrutar da posição atual do Fluminense, que inicia a disputa do Campeonato Brasileiro, hoje, às 18h30, no Maracanã, jogo que o LANCE!Net transmite em tempo real. Normalmente, as torcidas gostam de exaltar as adversidades que o clube delas superou para atingir determinada façanha. Neste sentido, após permanecer na Primeira Divisão por causa das escalações irregulares de jogadores de Flamengo e Portuguesa, o Fluminense virou alvo comum. Caberá à torcida ser um diferencial para os jogadores criarem mais uma trajetória de superação.

No que depender do preço dos ingressos, o Maracanã tem tudo para receber um ótimo público. Após assumir oficialmente ao LANCE! que o Fluminense é contra a elitização do futebol, a diretoria tricolor decidiu praticar um preço promocional de R$ 10 nos setores atrás dos gols. Cabe lembrar que a mesma estratégia foi adotada no jogo contra o Horizonte (CE), pela Copa do Brasil. Na ocasião, mais de 27 mil tricolores compareceram e ajudaram o time a vencer pelo placar de 5 a 0.

O técnico Cristovão Borges destacou a importância do apoio dos torcedores logo mais.

– A torcida do Fluminense tem histórico de jogar junto com o time. Contra o Horizonte (CE), ela compareceu e empurrou. Desta vez não será diferente. Vamos buscar uma performance positiva para que os torcedores fiquem orgulhosos e possam nos abraçar definitivamente nesta campanha – disse o treinador, que também elogiou a promoção:

– A prática mostra que quanto menor o preço, maior o público. O estádio cheio valoriza o espetáculo.

Até um site que visa unir os 19 times da Série A contra o Fluminense foi criado. Ao Tricolor, só resta reunir time e torcida, um jogando com o outro, para fazer história.


Por que existe o clima adverso ao Flu

Rebaixamentos
Em três vezes na história, o Fluminense foi envolvido indiretamente em modificações na tabela após o término das competições. Apesar de historicamente o clube carioca nunca ter sido protagonista das polêmicas, a opinião pública acabou se voltando contra o clube. Confira abaixo os episódios.

Caso Ivens Mendes

Em 1996, um escândalo de compra de resultados envolvendo Corinthians e Atlético-PR foi denunciado. O caso anulou os rebaixamentos da competição. O Flu, que havia caído, acabou permanecendo na Primeira Divisão. O então presidente, Álvaro Barcelos, comemorou a permanência e a imagem do Tricolor foi prejudicada.

Subida da C para a A

Em 1999, o Flu, vencedor da Série C, subiu diretamente para a Série A porque o Gama, que disputava a Primeira Divisão na época, entrou na Justiça Comum após imbróglio envolvendo Botafogo e São Paulo. No ano seguinte a CBF desistiu de organizar a competição. O Clube dos 13 assumiu o controle. O Tricolor, a exemplo de outros clubes, foi convidado.

Casos da Portuguesa e Fla
Flu foi rebaixado, mas escalações irregulares de atletas de Lusa e Fla o mantiveram na Primeira Divisão.