icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/07/2013
13:06

Sorte, atenção, falha ou mérito do adversário. Diversos motivos podem ser creditados aos gols que o Fluminense tem sofrido nos minutos finais das partidas deste Campeonato Brasileiro. Nas seis rodadas disputadas esse ano, o Tricolor já perdeu três vezes, apenas duas a menos que no Brasileirão do ano passado.

Em 2013, o Tricolor foi derrotado por Coritiba, Portuguesa e Botafogo sofrendo o gol decisivo nos minutos finais. Contra o Coxa, o meia Alex teve espaço na entrada da área e bateu forte em direção ao gol de Ricardo Berna, que aceitou. Lance parecido com o do clássico deste domingo, onde Diego Cavalieri falhou no gol do Botafogo após Seedorf ter espaço para chutar.

E MAIS:
>Flu desembarca no Rio e Cavalieri admite falha: 'Dava para defender'
>Deco, sobre retorno em jogos oficiais: 'Não tive muito tempo'
>Fred diz que Fluminense poderia ter jogado mais pelos lados do campo

Na partida contra a Portuguesa, o jogo estava bem equilibrado, com uma ligeira vantagem para o Fluminense no fim, mas aos 38 do segundo tempo, a Lusa encaixou um contra-ataque, que valeu a vitória. Na ocasião, Abel culpou falha no posicionamento da defesa na jogada.

Outro número do Flu que chama atenção é o de empates. O Tricolor das Laranjeiras ainda não terminou nenhuma partida em igualdade nesse Brasileirão. O técnico Abel Braga já disse que mudou um pouco da postura do time em relação ao ano passado, segundo o treinador, ele quer o time "sofrendo" menos nos momentos decisivos.

Os jogadores que viajaram recebem folga nesta segunda-feira. Fred, Rhayner e Edinho não desembarcaram com o grupo, já que se separaram da delegação ainda no Recife. Apesar da derrota, o Fluminense ainda está em quarto lugar na competição e volta a campo diante do Internacional, no próximo sábado, às 18h30, no Moacyrzão.

Sorte, atenção, falha ou mérito do adversário. Diversos motivos podem ser creditados aos gols que o Fluminense tem sofrido nos minutos finais das partidas deste Campeonato Brasileiro. Nas seis rodadas disputadas esse ano, o Tricolor já perdeu três vezes, apenas duas a menos que no Brasileirão do ano passado.

Em 2013, o Tricolor foi derrotado por Coritiba, Portuguesa e Botafogo sofrendo o gol decisivo nos minutos finais. Contra o Coxa, o meia Alex teve espaço na entrada da área e bateu forte em direção ao gol de Ricardo Berna, que aceitou. Lance parecido com o do clássico deste domingo, onde Diego Cavalieri falhou no gol do Botafogo após Seedorf ter espaço para chutar.

E MAIS:
>Flu desembarca no Rio e Cavalieri admite falha: 'Dava para defender'
>Deco, sobre retorno em jogos oficiais: 'Não tive muito tempo'
>Fred diz que Fluminense poderia ter jogado mais pelos lados do campo

Na partida contra a Portuguesa, o jogo estava bem equilibrado, com uma ligeira vantagem para o Fluminense no fim, mas aos 38 do segundo tempo, a Lusa encaixou um contra-ataque, que valeu a vitória. Na ocasião, Abel culpou falha no posicionamento da defesa na jogada.

Outro número do Flu que chama atenção é o de empates. O Tricolor das Laranjeiras ainda não terminou nenhuma partida em igualdade nesse Brasileirão. O técnico Abel Braga já disse que mudou um pouco da postura do time em relação ao ano passado, segundo o treinador, ele quer o time "sofrendo" menos nos momentos decisivos.

Os jogadores que viajaram recebem folga nesta segunda-feira. Fred, Rhayner e Edinho não desembarcaram com o grupo, já que se separaram da delegação ainda no Recife. Apesar da derrota, o Fluminense ainda está em quarto lugar na competição e volta a campo diante do Internacional, no próximo sábado, às 18h30, no Moacyrzão.