icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/03/2014
08:12

Apesar de já ter definido que não comprará os direitos econômicos de Carlos Eduardo ao fim do contrato de empréstimo, em junho, o Flamengo ainda terá de pagar cerca de R$ 2 milhões em salários para o armador. O valor é referente aos vencimentos de março, abril, maio e junho que o camisa 20 tem direito a receber.

Como o contrato de empréstimo de Carlos Eduardo com o Flamengo tem duração de 18 meses, ele já recebeu até agora um valor de aproximadamente R$ 7 milhões. Isso sem ser contabilizado o prêmio por assinatura e por conquistas durante a passagem dele pela Gávea. Por exemplo, por conta da conquista da Copa do Brasil, o elenco rubro-negro ganhou R$ 1,5 milhão que foi dividido entre os jogadores.

Carlos Eduardo tem o maior salário do elenco do Flamengo, superando nomes que estão há algum tempo no clube como Leonardo Moura e Felipe.