icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/11/2013
18:46

Flamengo e Fluminense se enfrentam neste domingo, às 19h30, no Maracanã, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Focado na Copa do Brasil, o time de Jayme de Almeida irá a campo com alguns reservas. Já o de Vanderlei Luxemburo, que convive com a pressão de uma possível demissão, precisa da vitória urgentemente para se afastar da zona de rebaixamento.

O Rubro-Negro, que vem de um empate com a Portuguesa, tem uma situação mais tranquila na tabela de classificação. A equipe da Gávea ocupa a 11ª posição, com 41 pontos. Já o Tricolor está na 16ª colocação, com apenas 36 pontos somados, três a mais do que a Ponte Preta, primeiro time do Z4.

CONFIANÇA NOS RESERVAS DO FLA

Com a cabeça na Copa do Brasil, o técnico jayme de Almeida resolveu poupar praticamente meio time para o clássico deste domingo. Desgastados fisicamente pela maratona de jogos, Léo Moura, Chicão, Elias, Paulinho e André Santos não irão atuar diante do Fluminense.

Porém, apesar de priorizar o duelo com o Goiás, na quarta-feira, o técnico Jayme de Almeida afirma que a partida contra o Flu é essencial para que seu time fuja de vez da briga contra o rebaixamento.

- Chega uma hora que temos de priorizar alguma competição, infelizmente. O jogo contra o Fluminense é muito importante para nós ficarmos tranquilos no Brasileirão, mas, ao mesmo tempo, temos uma decisão com o Goiás - comentou o treinador.

Substituto de Felipe, que está se recuperando de uma artroscopia no joelho esquerdo, o goleiro Paulo Victor valoriza os jogadores que são reservas, mas que devem começar jogando o clássico.

- Nós sabemos da confiança que o Jayme deposita em todos os jogadores. Contra o Atlético-MG (há duas semanas), ele poupou alguns e o time foi bem (derrota por 1 a 0). A gente confia em quem está entrando - disse o arqueiro.

PERMANÊNCIA COMO PREMIAÇÃO

Depois de ser bastante criticado pela escalação do Fluminense no jogo contra o Vitória, domingo passado, o técnico Vanderlei Luxemburgo decidiu manter a estrutura do time para o Fla-Flu. Exceção feita a Ronan, que será titular na lateral esquerda no lugar do então improvisado Igor Julião, o Tricolor seguirá com quatro volantes de origem no meio de campo. Enquanto Edinho e Diguinho ficarão presos à marcação, Rafinha terá a função de apoiar pela direita e Jean será o principal armador.

Durante a semana, Luxa também testou o Tricolor no 3-5-2 com Rhayner no lugar de Rafinha encostando nos atacantes e Edinho recuado como terceiro zagueiro. De todo modo, a tendência é mesmo que o time inicie o jogo no 4-4-2.

- O título do Fluminense é ficar na Série A. Quando o time luta pelo título, eu levo todos para a concentração. Agora vai ser assim também, até os lesionados. Vai todo mundo. Sobre o Ronan, vamos olhar com carinho porque ele não está totalmente recuperado. Se ele não tiver condições, vou jogar com três zagueiros - disse o técnico do Fluminense.

As maiores novidades ficam no banco de reservas com as presenças de Marcelinho e do jovem meia-atacante Robert, que poderá fazer a estreia pelo time profissional do Fluminense logo mais.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X FLUMINENSE

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 3/11/2013 - 19h30
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden - RS (FIFA)
Auxiliares: Altemir Hausmann - RS (FIFA) e Rafael da Silva Alves - RS (CBF-1)

FLAMENGO: Paulo Victor, Digão, Wallace, González, Frauches; Amaral, Val, Luiz Antonio, Carlos Eduardo; Rafinha (Gabriel) e Hernane. Técnico: Jayme de Almeida

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Leandro Euzébio e Ronan; Edinho, Diguinho, Jean e Rafinha; Biro Biro e Rafael Sobis - Técnico: Vanderlei Luxemburgo