icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/12/2013
20:32

O Flamengo consultou Marcos Motta, especialista em direito esportivo internacional, para analisar a acusação de que teria escalado o lateral-esquerdo André Santos irregularmente contra o Cruzeiro, na última rodada do Brasileirão. Em nota publicada no site oficial, o clube afirma que irá usar o parecer do advogado, no qual ele isenta o Fla de culpa, como defesa.

O julgamento, que irá definir se o Flamengo perderá ou não quatro pontos no Campeonato Brasileiro, ocorre na próxima segunda, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

Confira a nota na íntegra:

"O advogado Marcos Motta, renomado especialista em direito esportivo brasileiro e internacional, foi consultado pelo Clube de Regatas do Flamengo em relação aos fatos envolvendo a escalação do atleta André Santos contra o Cruzeiro, na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2013. Marcos Motta concluiu, de forma isenta, após a análise dos fatos, que a escalação do referido atleta encontra total respaldo jurídico, tanto na legislação pátria quanto nos regulamentos internacionais aplicáveis à matéria, sobretudo da FIFA, e que, por isso, não há ilegalidade ou irregularidade na conduta do Flamengo. O Parecer Jurídico de Marcos Motta integrará a defesa do Flamengo no julgamento da próxima segunda-feira."

LEIA MAIS:
> Padarias ameaçam boicote em caso de queda da Lusa
> Advogado do Corinthians defenderá Lusa no STJD
> Em 2010, procurador era a favor do resultado de campo
> Secretário nacional analisa declarações de Schmitt
> Auditor do STJD é substituído por 'antecipar' voto