icons.title signature.placeholder Rafael Sandrão
icons.title signature.placeholder Rafael Sandrão
17/07/2013
15:10

Promovida pelo ex-piloto Emerson Fittipaldi, a segunda temporada do World Endurance Championship (WEC - FIA) no Brasil chega à São Paulo como a Le Mans 6 Horas de São Paulo, que junto com a empresa de eventos Playcorp espera ser em alguns anos a categoria do automobilismo mais conhecida na América Latina.

- Nós temos a oportunidade de tornar a prova, o destaque não só no Brasil mas em toda a América Latina. Eu acho importante que o público que gosta de automobilismo e não tem condições financeiras de acompanhar o esporte, poderá ir ao nosso evento. Fora todas as atrações que teremos ao redor do autódromo e que permitirá que as pessoas circulem sem o menor problema para todos os lados e consiga escolher a atividade do momento - afirmou o ex-piloto.

Será construído um local chamado espaço Village e que terá várias atrações como shows musicais, exposições, lojas, praça de alimentação e outros tipos de entretenimento para toda a família. Fittipaldi ainda comentou sobre as ações da Polícia Militar, que terão dentro de uma pista mirim, monitorada por um Policial Militar Rodoviário e ensinará para a criançada noções básicas de segurança no trânsito.

- Eu não imaginava que a Polícia Militar tinha um aparato especial para tratar o assunto com as crianças. Os carrinhos e os ensinamentos sobre o trânsito mostra logo cedo algumas realidades e que serão de extrema importância para a vida de cada uma - completou Fittipaldi.

Em relação aos brasileiros envolvidos na prova, o bicampeão de Fórmula 1 destacou o bom desempenho de Lucas Di Grassi e Bruno Senna no campeonato. O segundo inclusive venceu a primeira prova da temporada.

- Sem dúvidas o Lucas Di Grassi e o Bruno Senna estão credenciados a vitória pela boa campanha que os dois estão fazendo no campeonato. E não podemos nos esquecer do Pizzonia que se acertar com a Nissan será um nome de peso, já que o piloto venceu em Silverstone - finalizou.


Promovida pelo ex-piloto Emerson Fittipaldi, a segunda temporada do World Endurance Championship (WEC - FIA) no Brasil chega à São Paulo como a Le Mans 6 Horas de São Paulo, que junto com a empresa de eventos Playcorp espera ser em alguns anos a categoria do automobilismo mais conhecida na América Latina.

- Nós temos a oportunidade de tornar a prova, o destaque não só no Brasil mas em toda a América Latina. Eu acho importante que o público que gosta de automobilismo e não tem condições financeiras de acompanhar o esporte, poderá ir ao nosso evento. Fora todas as atrações que teremos ao redor do autódromo e que permitirá que as pessoas circulem sem o menor problema para todos os lados e consiga escolher a atividade do momento - afirmou o ex-piloto.

Será construído um local chamado espaço Village e que terá várias atrações como shows musicais, exposições, lojas, praça de alimentação e outros tipos de entretenimento para toda a família. Fittipaldi ainda comentou sobre as ações da Polícia Militar, que terão dentro de uma pista mirim, monitorada por um Policial Militar Rodoviário e ensinará para a criançada noções básicas de segurança no trânsito.

- Eu não imaginava que a Polícia Militar tinha um aparato especial para tratar o assunto com as crianças. Os carrinhos e os ensinamentos sobre o trânsito mostra logo cedo algumas realidades e que serão de extrema importância para a vida de cada uma - completou Fittipaldi.

Em relação aos brasileiros envolvidos na prova, o bicampeão de Fórmula 1 destacou o bom desempenho de Lucas Di Grassi e Bruno Senna no campeonato. O segundo inclusive venceu a primeira prova da temporada.

- Sem dúvidas o Lucas Di Grassi e o Bruno Senna estão credenciados a vitória pela boa campanha que os dois estão fazendo no campeonato. E não podemos nos esquecer do Pizzonia que se acertar com a Nissan será um nome de peso, já que o piloto venceu em Silverstone - finalizou.