icons.title signature.placeholder Verônica Souza
22/11/2013
15:42

Dentro de campo, Raphael disputa uma vaga como goleiro titular do Duque de Caxias. Fora dele, usa suas habilidades e conhecimentos para manter o blog "De goleiro pra goleiro", criado a partir de um trabalho proposto no curso de Comunicação Social.

Tanto nos gramados quanto fora dele, as coisas andam bem para o goleiro: o Duque disputa neste sábado a final da Copa Rio diante do Boavista, enquanto que o blog faz sucesso na rede com entrevistados como Lauro, da Portuguesa e o campeão brasileiro pelo Cruzeiro, Fábio.

- Desde criança sempre tive vontade de participar dos programas de TV que falavam sobre futebol. Fui crescendo com essa ideia na cabeça, sempre pensei em fazer comunicação. Com o passar dos anos fui amadurecendo a ideia e resolvi começar a graduação. O blog é a minha primeira experiência no jornalismo e estou gostando muito de fazer - avaliou Raphael, antes de comentar sobre o futuro na carreira de jornalista:

-  Por enquanto está dando pra conciliar a faculdade com o futebol, mas exercer a profissão vai ser bem difícil. Meu pensamento sempre foi aproveitar o tempo de início de carreira pra concluir o curso e aplicar o que aprendi só depois que eu parar mesmo.

FUTURO E PRESENTE NAS CARREIRAS

Se o jornalismo terá que 'esperar' por Raphael, o futebol já é uma realidade empolgante. A possibilidade de conquistar um título inédito pelo Duque - o time precisa reverter o 1 a 0 do jogo de ida - anima o 'goleiro repórter'.

- Sei que o nosso grupo tem totais condições de reverter o resultado. Já provamos que nada é impossível pra nós. Teremos que jogar com inteligência e fazer o que a gente fez durante todo o ano, batalhar. Estamos focados na busca do título inédito e de poder entrar de vez na história do clube como o primeiro grupo campeão. Eu particularmente, por estar já a bastante tempo no clube e por ter ajudado o Duque no início da competição, quero muito conquistar essa Copa Rio.

A expectativa é tão boa que Raphael já pensou no título da sua próxima matéria: "Duque de Caxias joga bem e com o apoio da torcida reverte o resultado no Marrentão, conquistando o primeiro título da história do clube."