icons.title signature.placeholder Guilherme Gomes
11/11/2014
20:46

O tenista britânico Andy Murray se recuperou da derrota na estreia para o japonês Kei Nishikori e venceu o canadense Milos Raonic por 2 a 0 6-3 e 7-5) para felicidade da torcida que lotou a arena O2 em Londres. Assim, ele ainda está na briga por um lugar nas semifinais. Só uma vitória servia e Murray a buscou desde o início. O jovem Raonic havia vencido os dois últimos encontros entre eles, na última vez em março deste ano em Indian Wells.

Mas conseguir presença na semi não será nada fácil para Murray já que na última rodada de seu grupo, amanhã, ele terá pela frente Roger Federer. Murray terá de vencer o suíço e torcer por tropeço de Nishikori diante de Raonic. Em caso de vitória de Murray e Nishikori, as vagas serão decididas no set average. Aos 27 anos, é a sétima aparição seguida desse escocês no evento que reúne os melhores da temporada. Seu retrospecto nas Finais da ATP até o momento aponta 10 vitórias e 8 derrotas. Como teve de abrir mão do torneio no ano passado, sua última participação foi em 2012, quando perdeu na semifinal justamente para Federer.