icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/07/2014
16:25

Cotado para ser um dos jogadores do Brasil na Copa do Mundo de 2014, Éverton Ribeiro e outros atletas do Cruzeiro, como Dedé, ficaram de fora da convocação e acabaram não representando o país no Mundial em casa. Após o fiasco dentro de casa e a consequente demissão de Luiz Felipe Scolari, o meia craque do Brasileirão passado volta a sonhar com uma chance na seleção canarinho. Ainda em alta, o jogador quer continuar realizando o bom trabalho para, quem sabe, convencer o futuro treinador de que pode defender as cores do Brasil.

- A gente tem que manter um bom trabalho aqui no Cruzeiro, tem que estar focado para fazer bons jogos e conseguir as vitórias. Tenho certeza que o próximo treinador vai olhar, porque o Cruzeiro é uma equipe forte, que vem bem e quem estiver bem aqui também vai ter a sua oportunidade - disse o meia celeste.

MAIS:
> Fábio exalta time celeste, mas pede foco no Brasileirão
> Ingressos para retorno do Cruzeiro no Mineirão já estão à venda

Atualmente, não é só Éverton Ribeiro que segue como um dos candidatos a uma vaga na seleção. O Cruzeiro conta também com o zagueiro Dedé, que já teve oportunidades com Felipão, mas perdeu força na reta final da temporada passada. Sempre questionado, o goleiro Fábio ainda tem total apoio da torcida e é apontado como um dos jogadores mais injustuiçados no país, o que pode ser explicado pelo futebol bem apresentado durante anos e nenhuma convocação nas temporadas anteriores.