icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
15:15

A Fifa divulgou nota oficial em que presta solidariedade às famílias dos dois trabalhadores que morreram no acidente com um guindaste na Arena Corinthians, nesta quarta-feira.

No comunicado, a entidade diz ainda que segurança dos trablhadores é sempre uma prioridade, mas que ainda não poderia comentar nada sobre as causas do acidente, uma vez que ainda está buscando maiores informações e detalhes.

E MAIS:

Acidentes e mortes marcam construções de estádios brasileiros
Blatter, Valcke e Ronaldo chocados com acidente na Arena Corinthians

Apesar da afirmação da entidade, este não é o primeiro caso com morte nas obras de estádios da Copa. No ano passado, um operário faleceu após uma queda nas obras do Mané Garrincha, em Brasília (DF) e em março deste ano outro operário faleceu também após uma queda no canteiro de obras da Arena Amazônia, em Manaus (AM).

Confira na íntegra o comunicado da Fifa:

A FIFA e o Comitê Organizador Local lamentam, com grande tristeza, as mortes dos trabalhadores no local da Arena do Corinthians, em São Paulo.  Queremos enviar nossas sinceras condolências às famílias dos trabalhadores que morreram tragicamente hoje.

A segurança dos trabalhadores é de alta prioritária para a FIFA, para o COL e para o Governo Federal. Sabemos que a segurança de todos os trabalhadores tem sido sempre de suma importância para todas as construtoras encarregadas da construção dos 12 estádios da Copa do Mundo da FIFA 2014. As autoridades locais irão investigar os motivos que levaram a este trágico acidente.

Por favor, entenda que não estamos na posição de fazer comentários adicionais, já que estamos esperando por mais  detalhes. Assim que a FIFA e o COL receberem mais informações, enviaremos uma atualização.

Exclusivo! Imagens da Arena Corinthians logo após o desabamento