icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/12/2013
15:31

A festa à fantasia promovida pelos jogadores do Corinthians na noite do último domingo, em um salão alugado na capital paulista, teve "tom de despedida" para o grupo, já que o processo de reformulação para 2014 está acelerado. A revelação foi feita pelo lateral e volante Edenilson, que concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira, logo após o treino realizado no CT Joaquim Grava.

Uma das principais atrações da festa foi o volante Elias, que atualmente veste a camisa do Flamengo, mas é amigo dos ex-companheiros de Corinthians, clube que defendeu entre 2008 e 2010. De acordo com o atual camisa 21 do Timão, o flamenguista não falou sobre a possibilidade de repatriação pelo clube do Parque São Jorge. Como informou o LANCE!Net nesta terça-feira, o clube paulista está pessimista na negociação.

- Eu já tinha conhecido o Elias anteriormente e sabia que ele ia na nossa festa. Mas lá ele não falou muito sobre isso de vir para o Corinthians. Se tivesse alguma novidade ele teria falado. O que ele falou foi sobre os jogos dele pelo Flamengo, o título da Copa do Brasil... - explicou Edenilson.

- A festa teve um tom de despedida de alguns, mas a gente não sabe quem vai ficar ou quem vai sair. Foi mais para a gente selar um ciclo de amizade que foi criado nesse tempo, amizade com o professor Tite também, e confraternizar - disse o corintiano, confirmando que a festa foi organizada pelas esposas de jogadores e teve só a presença dos casados.

Logo após falar em "tom de despedida", Edenilson tentou se corrigir.

- Não é bem tom de despedida, mas a gente sabe que mudanças acontecem. A gente não sabe quem vai ficar, sair ou chegar. A festa foi em um tom de amizade. Independentemente do que acontecer, é a amizade que vai permanecer.